X

Nanda Alves é bi em simples e vice em duplas em Campos do Jordão

Domingo, 24 de julho 2005 às 20:01:10 AMT

Link Curto:

Nanda Alves VIII
Com sua conhecida raça e determinação, a tenista número 1 do Brasil, Maria Fernanda Alves, superou a boa técnica e o talento da argentina Maria José Argeri, por 6/3 e 7/5, e conquistou o bicampeonato da Credicard Mastercard Tennis Cup. A final foi emocionante, equilibrada e exigiu muito da brasileira, que lutou em todos os momentos para garantir o prêmio de US$ 3 mil e somar 25 pontos para o ranking da WTA.


“Este é o lugar onde consigo jogar o meu melhor tênis”, enfatizou Nanda Alves, que já ganhou dois títulos da Credicard Mastercard e ficou com outros dois vice-campeonatos. “Gosto muito dessa atmosfera, do clima da torcida também e isso foi muito importante para crescer nos momentos importantes e definir essa vitória.”

O bicampeonato de Nanda Alves não foi nada fácil. Desde as quartas-de-final foi muito exigida. Não estava jogando num bom nível, mas com uma boa tática conseguiu se superar. Na partida decisiva, a história se repetiu. Diante de uma jogadora de refinada técnica, como Argeri, a tenista número 1 do Brasil precisou de uma boa estratégia, ora atacando, ora buscando bolas altas, para vencer os pontos, sair de situações complicadas e festejar o seu segundo troféu em Campos do Jordão.

“Peguei uma chave bastante difícil. Além disso, senti um pouco o cansaço”, afirmou a tenista que jogou as finais de simples de duplas em Campos do Jordão. “Mas estive muito concentrada durante toda a partida e me superei nos momentos mais difíceis”. Nanda, de 22 anos, é atualmente a 142.ª do ranking da WTA, e não deve mudar muito sua posição com o título da Credicard Mastercard Tennis Cup 2005, por estar defendendo os pontos do título conquistado ano passado.

Enquanto isso, Maria José Argeri, de 21 anos, ocupa a posição de 270ª e revela jogo suficiente para logo estar entre as cem primeiras. Possui golpes de invejável técnica, como a esquerda de apenas uma mão (raro do tênis feminino, onde se costuma usar as duas mãos para o back-hand), além de possuir um saque muito eficiente. A tenista argentina, treinada pelo brasileiro Mauro Menezes, jogou a final com o distintivo do São Paulo Futebol Clube.

“Esta foi uma homenagem que quis prestar ao São Paulo, especialmente ao médico Marco Aurélio Cunha, por ter me ajudado na minha recuperação do joelho. As pessoas do São Paulo me proporcionaram uma cirurgia de astroscopia sem qualquer custo e hoje mostrei estar totalmente recuperada.”

Com o término da disputa feminina da Credicard MasterCard Tennis Cup 2005, será a vez do início dos jogos da chave masculina, a partir desta segunda-feira, dia 25 de julho, no Tênis Clube de Campos do Jordão, com distribuição de prêmios no valor de US$ 75 mil, além de pontos para o ranking mundial. No total, a Credicard MasterCard Tennis Cup 2005, que se estende até o dia 30 de julho, distribui US$ 100 mil em prêmios.

Maria Fernanda Alves na Credicard MasterCard Tennis Cup:
2001 - alcançou as quartas-de-final
2002 - foi vice-campeã - perdeu a final para Jolanda Mens (HOL), por 6/2 4/6 6/2
2003 - foi vice-campeã - Perdeu a final para Frederica Piedade (POR), por 6/3 2/6 6/4
2004 – campeã - Derrotou Katalin Marosi (HUN) na final, por 6/4 7/6 (2)
2005 – campeã – venceu Maria José Argeri (ARG) na final, por 6/3 7/5


Duplas - A brasileira Letícia Sobral e a Argentina Maria José Argeri conquistaram neste domingo o título de duplas da Credicard MasterCard Tennis Cup, em Campos do Jordão. Na decisão, Sobral e Argeri derrotaram Maria Fernanda Alves e a portuguesa Frederica Piedade por 6/0 6/2.

Depois de ter conquistado o bicampeonato na simples, Nanda Alves não conseguiu manter a intensidade na partida de duplas, ao lado de Piedade e foi superada pela parceria de Sobral e Argeri, que dominaram a partida.

“Estou muito feliz por ter conquistado o meu primeiro título aqui em Campos e feliz também pela minha parceira que tinha sido vice na simples,” contou Sobral, que havia participado de todas as edições da Credicard MasterCard TEnnis Cup, mas nunca havia levantado um troféu.

Pela conquista, Sobral e Argeri ganharam um cheque de U$ 1,2 mil e mais 25 pontos no ranking mundial. Alves e Piedade ficaram com um cheque de U$ 700 e 17 pontos na WTA.

Fonte: TrySports
banner
banner