X

Federer bate freguês e pega sérvio nas oitavas

Sexta, 19 de janeiro 2007 às 04:28:44 AMT

Link Curto:

Federer - Melbourne V
Roger Federer é sem dúvida o gênio das quadras. Após uma estréia ruim e uma segunda partida um pouco melhor, o suíço mostrou todo seu talento e magia com belas direitas, paraleas cruzadas, trocas de slices para bater o russo Mikail Youzhny, 25o., por 6/3 6/3 7/6 (7/5) e se classificar para as oitavas de final do Aberto da Austrália. Este foi o oitavo triunfo do suíço sobre o russo em oito partidas. O líder do ranking terá pela frente o jovem Novak Djokovic, de 19 anos, que vem de uma série de 8 vitórias seguidas, incluindo o troféu em Adelaide na primeira semana do ano.

Leia Também:
"Djokovic é perigoso, mas eu sou favorito", declara Federer
Djokovic passa por tailandês e chega à quarta rodada

Federer teve um primeiro set sem muitas dificuldades. O suíço mostrou toda sua potência e variação nos golpes para aproveitar uma únicao portunidade que teve no quarto game. Ele abriu 3/1 e teve problemas apenas no último game. Não teve que salvar break-points, mas o duelo foi para o iguais. No fim deu Federer em 30 minutos: 6/3.

Roger mostrou que não estava para brincadeira e saiu quebrando logo no primeiro game da segunda parcial. Youzhny aproveitou a virada para pedir atendimento médico e massagear a região lombar. Na sequência da partida,o suíço esfriou um pouco cedeu um break-point mas se salvou. Depois se manteve consistente e pressionou o serviço do russo para quebrar outra vez e fechar em 6/3 em 41 minutos.

Federer começou com tudo também o terceiro set, abrindo 2/0. No terceiro game, Youzhny teve duas chances de quebra, mas bons saques do suíço o impediram de igualar o jogo. Neste mesmo game, Federer e Youzhny deram um show de slices, cerca de dez slices na cruzada seguidos que levaram o público ao delírio após o erro do russo. Mesmo assim, Youzhny não se abateu e devovleu a quebra de serviço no sétimo game após uma linda paralela de esquerda vencedora: 4/3. O jogo seguiu equilibrado até o tie-break quando o melhor do mundo foi mais eficiente e fechou com um mini-break de vantagem: 7/6 (7/5).

O tenista da Basiléia segue firme rumo a sua 10a. conquista de Grand Slam. Ele busca vaga nas quartas contra o sérvio Novak Djokovic que bateu o tailandês Danai Udomchoke em quatro sets. O histórico mostra dois jogos entre ambos e dois triunfos do tenista de 25 anos. As duas partidas foram no ano passado, ano de crescimento do sérvio que nesta temporada deu mostras que pode ser mais perigoso. Djokovic já levantou a taça em Adelaide, primeiro evento round-robin, e mostrou muito talento para vencer seus três primeiros jogos em Melbourne.
banner
banner