X

Safin ganha nova batalha e protagoniza clássico com Roddick

Quarta, 17 de janeiro 2007 às 07:40:00 AMT

Link Curto:

Marat Safin - Melbourne 07
O grande duelo anunciado desde o sorteio da chave principal será realizado. Marat Safin versus Andy Roddick, um dos clássicos do tênis, foi confirmado nesta quarta-feira após mais uma batalha do russo. O confronto dos ex-número 1 do mundo será disputado na sexta-feira e vale vaga nas oitavas de final do Australian Open 2007. Enquanto Roddick, atual 7o. do ranking, passou em três sets pelo francês Marc Gicquel, Safin precisou de cinco sets para derrotar o israelelsne Dudi Sela, 202o., por 6/3 5/7 4/6 7/6 (7/4) 6/0 em 3h21min.

Roddick diz que partida com Safin será nervosa e boa para torcida

O número 27 do ranking marcou seu segundo jogo de cinco sets no torneio. Na primeira fase ele derrotou o alemão Benjamin Becker com tamanha dificuldade.

Seu adversário de 3a. rodada, Roddick, teve trabalho na primeira rodada, mas jogou um pouco menos, quatro sets diante do também francês Jo-Wilfred Tsonga.

Amigos fora das quadras, Roddick e Safin viverão pela sétima vez o gostinho da rivalidade dentro delas. O equilíbrio é total. São 3 vitórias para cada um. Mas o gostinho mais amargo está com o americano. O vice-campeão do US Open na última temporada e campeão em 2003 foi derrotado por Marat nas semifinais da Copa Davis na Rússia em um confronto de cinco sets. Roddick sonha com o título da competição por nações no tênis que ainda não conquistou. Safin tentará manter sua invencibilidade em Melbourne. O russo foi o campeão de 2005 e não disputou em 2006 o evento, tendo portanto nove triunfos consecutivos. O duelo promete.

Safin x Sela - O jogo

O russo começou bem dando as cartas no duelo com o israelense. Ele venceu o primeiro set com uma quebra de serviço a mais em apenas 29 minutos por 6/3. Quando o jogo parecia que seria favorável a Safin, Sela mudou we veio com duas quebras, uma no finalzinho, para fechar 7/5 a segunda parcial e mais três quebras para vencer um difícil terceiro set por 6/4.

No quarto set, Safin chegou a ter vantagem de 5/4 e saque, mas o adversário não se intimidou e igualou. Safin sacou pressionado no 5/6 e no 30 iguais uma leve chuva caiu sobre Melbourne Park, provocando o fechamento do teto retrátil da quadra Vodafone Arena. Os 10 minutos de paralisação foram bons para o russo que se acalmou, cravou aces, levou para o tie-break e fez 7/6 (7/4).

Este foi o primeiro quinto set do israelense na carreira e não começou nada bem. Disputando apenas seu segundo Grand Slam ele sentiu a falta de experiência e passou a errar mais. Safin se aproveitou, partiu pra cima e vibrou com a quebra após uma bola fora do adversário. O russo abriu 3/0 e logo na sequência outra quebra. Com 5/0 ele novamente foi pra cima no serviço do oponente e deu um "pneu" para selar o triunfo.
banner
banner