X

Lançado em Porto Alegre o Instituto de Tênis Gaúcho

Terça, 09 de janeiro 2007 às 21:05:36 AMT

Link Curto:

Tênis Juvenil
O Rio Grande do Sul conta, desde esta terça-feira, com uma nova iniciativa na formação de atletas de ponta. O Instituto Gaúcho de Tênis - IGT foi lançado oficialmente no complexo tenístico do Terra Ville Belém Novo Golf Club, em Porto Alegre, com a proposta principal de proporcionar uma estrutura profissional para jogadores masculinos e femininos, dos 10 aos 18 anos de idade, através de uma Equipe de Alto Rendimento em Tênis.

O grupo será composto inicialmente por 16 atletas, sendo que 13 já estão treinando em dois turnos com os técnicos Fernando Roese, Eduardo Frick e Marcelo Maciel. Parte deles prepara-se para disputar cinco etapas do Circuito Cosat, enquanto os demais, nas categorias 10 e 12 anos, disputarão torneios nacionais. O IGT, associação sem fins lucrativos, foi fundado pelos esportistas Klaus, Frederico, Cláudio, Guilherme e Richard Gerdau Johannpeter.

"Sempre pensamos em fazer algo mais estruturado a favor do tênis gaúcho e brasileiro. Temos a expectativa de conseguirmos resultados excelentes, pois vamos trabalhar de maneira muito profissional. Contamos com um belo potencial humano aqui no Estado e projetamos metas ambiciosas. É claro que isto leva algum tempo, mas vamos nos dedicar intensamente para atingir esta expectativa", afirmou Klaus Gerdau Johannpeter, mantenedor do instituto. A mesma opinião tem Frederico Gerdau Johannpeter, outro mantenedor do projeto. "Queremos implementar uma nova fase no tênis do Rio Grande do Sul, resgatando algo que havia há muitos anos e que foi se perdendo porque os clubes se socializaram demais. Esta é uma nova fase para os nossos jogadores", disse o empresário.

Já integram a Equipe de Alto Rendimento em Tênis os atletas Gabriel Hocevar, Rafael Matos, Pedro Roese, Eduardo Dischinger, Eduardo Bencke, Guilherme Clezar, Monique Albuquerque, Lucas Luz, Gustavo Guerses, Laura Moreira, Bernardo Dias, Marcelo Demoliner e Fernando Fittipaldi, que contam com treinamento técnico em quadra, treinamento físico em equipamentos e local específico, além de orientação nas áreas de fisioterapia, nutrição e psicologia do esporte. "Este é um projeto que se concretiza depois de muito planejamento. Os fundadores do IGT já têm um profundo relacionamento com o tênis, especialmente através da Copa Gerdau, o mais importante evento infanto-juvenil e juvenil da América do Sul", avaliou o Diretor Administrativo do Centro, Ennio Moreira.

O Diretor Técnico do IGT, Luiz Carlos Biba Enck, é otimista quanto aos resultados que podem ser alcançados. "Queremos ter atletas entre os 50 melhores do mundo. É claro que não fazemos mágica e que isto leva tempo, mas estamos plantando uma semente. Temos um grande potencial a ser explorado e neste primeiro momento não vamos cobrar resultados, mas sim atitude", acrescentou Enck.

Também participaram da coletiva de lançamento os técnicos Marcos Hocevar, ex-número 30 do ranking em 1983, Niege Dias, ex-número 31 do mundo em 1988, e Fernando Roese, medalha de ouro no Pan Americano de Indianápolis, em 1987.

Fonte: Assessoria de Imprensa De Zotti
banner
banner