X
banner

Murray faz duras criticas ao sistema round-robin

Quinta, 21 de dezembro 2006 às 11:50:59 AMT

Link Curto:

Andy Murray II
O britânico Andy Murray, número 17 do mundo, abriu a boca e fez duras críticas ao sistema round-robin adotado em 13 torneios organizados pela ATP a partir de 2007. O jovem de 19 anos disse que o sistema de grupos favorecerá os jogadores top.

"Não gosto desse sistema pois favorece os jogadores top", disse o escocês em seu site oficial, www.andymurray.com: "Não sei porque é necessário essa mudança no tênis que é jogado como eliminatório em que você pode jogar bem um dia e estar horrível no outro."

"Agora você não pode ir embora logo no primeiro dia pois você pode perder e ainda sim ganhar o torneio".

A opção pelo round-robin feita pela ATP veio em favor de ter mais partidas televisionadas com grandes tenistas em ação.

Murray aproveitou para especular usando o número 1 do mundo como referência: "Imagina o Federer perdendo com um round-robin no ano que vem. Ele só perdeu cinco vezes nessa temporada. Se tiver round robin onde ele perder ele pode ainda vencer o torneio e não seria um grande choque quando grandes jogadores perdessem em um evento. E com apenas três em um grupo você pode ganhar uma partida e não avançar por saldo de sets, games", criticou.

"Mantenha o sistema eliminatório. Isso é único do tênis. Você tem um mau dia, você está fora", finalizou o tenista treinado por Brad Gilbert, ex-técnico de Andre Agassi e Andy Roddick.
banner
banner