X

US Open bate recorde de desistências em uma única rodada

Quarta, 02 de setembro 2015 às 09:08:26 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Com doze desistências, dez na chave masculina e duas na feminina, o torneio do US Open bateu o melancólico recorde geral em uma única rodada em torneios de Grand Slam na Era Aberta do tênis (iniciada em 1969). A marca anterior era de nove.



Três torneios haviam tido nove abandonos , primeira rodada do Aberto da Austrália de 2014, segunda rodada de Wimbledon em 2013, e primeira do US Open de 2011.

Entre as baixas, Vitalia Diatchenko entrou machucada após dizer que sentiu o tornozelo no aquecimento, e saiu quando perdia por 6/0 2/0 para Serena Williams em plena abertura da rodada noturna da quadra central. Outra não muito bem explicada foi a saída do ucraniano Aleksandr Nedovyesov pouco depois de perder o segundo set para Lleyton Hewitt.

No primeiro dia foram sete desistências  (Pablo Andújar, Radek Stepanek, Alexandr Dolgopolov, Gael Monfils, Yen-Hsun Lu, Florian Mayer e Vitalia Diatchenko) e no segundo mais cinco (Marina Erakovic, Ernests Gulbis, Aleksandr Nedovyesov, Thanasi Kokkinakis e Marcos Baghdatis).

O torneio paga US$ 40 mil pela primeira rodada e nenhum lucky-loser entrou em ambas as chaves. O japonês Taro Daniel, primeiro sorteado da lista de fora, chegou a ficar irritado com as desistências no twitter, mas apagou seu post pouco depois.

banner
banner