X

Federer aprova atuação e prega respeito a Simon

Segunda, 06 de julho 2015 às 18:22:12 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Roger Federer precisou de apenas 1h26min para superar o espanhol Roberto Bautista Agut nas oitavas de final em Wimbledon por fáceis 6/2 6/2 6/3. Após o triunfo, o suíço reconheceu que a lesão no tornozelo direito de seu adversário - chegou a pedir atendimento no meio do 2º set - tornou sua vida mais fácil nesta segunda-feira.



"Obviamente Roberto não estava em sua melhor forma, então é difícil fazer uma avaliação sobre o jogo. No geral fiz uma boa partida. Saí na frente e mantive o ritmo. Fiz um bom trabalho na transição - subidas à rede - hoje", afirmou o atual número dois do mundo, que enfrenta agora o francês Gilles Simon nas quartas.

“Foi bom ter um jogador da linha de base depois de jogar contra dois sacadores. Fiz um bom trabalho na transição. Claramente senti que tinha mais tempo na devolução e fui capaz de jogar um tênis mais agressivo e comprometido na devolução."
Federer celebrou a boa forma, mas evitou olhar adiante na chave pelo perigo que Simon já lhe causou: "Estou em uma boa corrida, feliz por voltar às quartas, é quando fica mais interessante pois os oponentes ficam mais duros", apontou o tenista que joga pela oitava vez contra Simon o qual perdeu duas vezes.

"Não vou olhar adiante pois Simon já me causou dificuldades em Grand Slams como na Austrália, Roland Garros, jogamos partidas de cinco sets nos dois. Meu foco é nele agora". 
.”

banner
banner