X

Teliana aponta mistura se sensações e aprendizado após queda para top 10

Quarta, 27 de maio 2015 às 17:30:44 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

A brasileira Teliana Pereira lutou até o fim, mas acabou superada pela russa Ekaterina Makarova, 9a. colocada no ranking mundial, na segunda rodada do torneio de Roland Garros, nesta quarta-feira em Paris, por 6/2 5/7 6/3, em 2h05min de jogo. Ela saiu com uma mistura de sentimentos.



Leia Mais:

Teliana luta, tira set, mas é eliminada por top 10 em Paris

 

Depois de ter passado o qualifying do Grand Slam francês, Teliana venceu a primeira rodada e estava jogando de igual para igual com Makarova, até que após de ter tido um break point no 1/1 e não ter convertido e ter sacado com 40/0 no game seguinte, perdeu o serviço no terceiro set e a russa acabou fechando a partida.

"Esse game que eu estava com 40/0 e não fechei foi chave para o jogo. Não sei se neste momento eu joguei mal ou ela jogou bem. Ela está entre as 10 melhores do mundo. Tive aquele break point que faltou ser um pouco mais agressiva. Saio chateada, mas saio feliz. Mas é uma pena. Saí um pouquinho com a sensação de que eu poderia ter feito mais, de que poderia ter levado," contou a brasileira.

Teliana também acredita que foi importante ter evoluído durante o jogo. "Depois de ter começado o jogo muito mal, sem estar sentindo bem a bola, consegui dar a volta por cima. É esse aprendizado que tenho que levar e continuar evoluindo, isso só me dá mais confiança."

Com esta partida, Teliana encerra a longa temporada de saibro, em que foi campeã do Challenger de Medellin, campeã do primeiro WTA da carreira em Bogotá, foi às oitavas-de-final do WTA de Marrakesh, às oitavas do Challenger de Cagnes Sur Mer e agora venceu 4 jogos em Roland Garros, tendo passado o qualifying e ganhado uma partida na chave. "Eu estou jogando bem, mas sinto que ainda tem algumas coisas que podem acontecer. Todas as semanas desde Medellin estou melhorando muito, crescendo e estou confiante, que é o mais importante para um tenista."

Durante toda esta temporada, Teliana também destacou o apoio do público, especialmente hoje em Roland Garros. "Mesmo depois que o jogo terminou, todo mundo me aplaudiu. Isso me dá ainda mais vontade para continuar o meu trabalho. Tudo o que eu faço é sempre 100%. Tudo o que estou fazendo está valendo realmente a pena. Queria agradecer os brasileiros."

O próximo destino da tenista, 76a. colocada no ranking mundial é Curitiba. Teliana volta para casa para descansar e retorna a Europa para jogar na grama, no WTA de Eastbourne e o terceiro Grand Slam do ano, Wimbledon.

banner
banner