X

Após maratona de Feijão, ITF quer tie-break para 5º set na Davis em 2016

Sábado, 28 de março 2015 às 11:40:09 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

A partida de 6h42min, recorde de duração, em que o brasileiro João Souza, o Feijão, perdeu com 15/13 no último set para o argentino Leonardo Mayer na Argentina pode mudar os rumos da Copa Davis. A ITF estuda instaurar o tie-break no 5º set a partir de 2016.



O presidente da Federação Internacional de Tênis antecipou que a mudança ocorrerá no ano que vem: "A idéia é que a partir do ano que vem a Copa Davis inclua o tie-break no quinto set. Jogar sete horas é lindo para os jornalistas, mas não para os jogadores. Decidiremos isso em breve", afirmou o italiano Francesco Ricci Bitti durante entrevista ao jornal argentino La Nacion.

Segundo Ricci Bitti, a nova medida deve ser aprovada em Assembléia Geral que ocorrerá em setembro, em Santiago, no Chile. Tanto o italiano como o espanhol Juan Margets, vice-presidente da entidade, concordam com a alteração: "Há quatro anos me diziamc que não, não. Hoje todos estão de acordo", afirmou Margets. 

O duelo entre Feijão e Mayer terminou com o placar de 7-6 (7-4), 7-6 (7-5), 5-7, 5-7 15-13 para o argentino em Tecnópolis com Mayer precisando tomar soro na ambulância e Feijão com alguns dias para se recuperar fisicamente.

"Quando tivemos o 70/68 do quinto set em Wimbledon, todos me falavam do recorde, mas lhes disse que se isso fosse numa semi de Grand Slam lamentaríamos pois o ganhador seria incapaz de jogar a partida seguinte. Não faz falta jogar por 15 horas". 

O comitê da Copa Davis tem sete integrantes, um delesc presidente da Associação Argentina de Tênis,  Armando Cervone.

"Nenhuma federação propôs nada, o tema estava na mesa há anos", disse Ricci Bitti. 

 

banner
banner