X

Bellucci vence batalha de 3h contra Hewitt e põe fim a jejum

Sexta, 27 de março 2015 às 02:07:37 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Terminou a zica! Depois de oito vitórias seguidas e quase dois meses de jejum, Thomaz Bellucci emplacou uma vitória, na madrugada desta sexta-feira, ao se classificar para a segunda rodada do Masters 1000 de Miami, na Flórida, torneio sobre o piso duro.



Leia Mais:

Bellucci tenta fim de mais um jejum: cinco meses sem bater um top 100

Veja como foi a batalha

Siga o Tênis News no Twitter!

 

O número dois do Brasil e 81º do mundo superou o ex-número 1 do mundo e atual 107º colocado, Lleyton Hewitt, por 2 sets a 1 com parciais de 7/5 6/7 (7/2) 6/4 após 2h58min de batalha na quadra central do Crandon Park, na ilha de Key Biscayne.

Bellucci não vencia um jogo desde as quartas de final do ATP 250 de Santiago, no Chile, na primeira semana de fevereiro. De lá pra cá foram derrotas na semifinal do mesmo torneio, estreias do Brasil Open, Rio Open, Buenos Aires, duas quedas na Copa Davis na Argentina, na estreia em Indian Wells e no challenger de Irving, no Texas.

Hewitt, por sua vez, não jogava desde o Australian Open, em meados de janeiro, em simples, onde perdeu na segunda rodada.

O paulista vai enfrentar no próximo sábado o uruguaio Pablo Cuevas, 21º colocado, com o qual perdeuseus dois jogos realizados, no ATP de Estoril, em Portugal, em 2011, e challenger de Buenos Aires, no fim de 2013. Os dois encontros foram no saibro.

O jogo

Apesar dos 22 erros não-forçados, Bellucci conduziu bem o primeiro set. Salvou dois breaks cedo, depois abriu uma quebra com 4/2, tomou o empate em game duro e quebrou de novo após golpe de vista errado de lleyton para fazer 6/5 e confirmar na terceira chance com ace por 7/5 em 57 minutos. Ele bateu 14 winners na parcial.



A segunda parcial foi longa, durou 1h16min e viu games apertados com o brasileiro perdendo dois breaks logo de cara e Hewitt não convertendo seis chances logo a seguir. Bellucci teve uma chance mais no 4/4, mas errou forehand na troca de bolas. Hewitt foi melhor no tie-break abrindo duas miniquebras com uma dupla-falta e erro do brasileiro para fechar por 7/6 (7/2). Foram 34 erros não-forçados do brasileiro.

Na terceira etapa o brasileiro cometeu quatro erros, foi quebrado de cara, mas viu Hewitt dar dupla-falta e retribuir os presentes. Bellucci então abriu 4/2, vibrou muito, mas foi quebrado de volta. No 4/4 ele jogou firme para salvar um break com erro de Hewitt e o australiano cometeu seguidos erros em seu serviço para o triunfo do brasileiro que comemorou bastante após se livrar dos maus resultados.

banner
banner