X

Goffin entra no sacrifício e decide para Bélgica contra Suíça

Domingo, 08 de março 2015 às 17:21:07 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

A Bélgica teve trabalho, precisou do 5º jogo, mas venceu a desfalcada Suíça e carimbou sua vaga nas quartas de final do Grupo Mundial da Copa Davis pela primeira vez depois de oito anos. Melhor jogador do time da casa, Davin Goffin entrou no sacrifício e decidiu.



Jogando em casa, no piso rápido e coberto de Liège, diante da atual campeã sem seus astros, Roger Federer e Stan Wawrinka, a Bélgica teve mais trabalho que o esperado, mas confirmou o favoritismo.

 

Henri Laaksonen, 344º colocado, voltou a brilhar e venceu mais um jogo de simples neste domingo, marcando 6/3 3/6 3/6 7/6 (7/5) 6/1 sobre Steve Darcis, 102º, deixando o confronto empatado em 2 a 2.

 

A decisão então foi para o quinto jogo onde David Goffin, número 21 do mundo e principal belga no circuito, que não havia jogado ainda no final de semana, entrou no sacrifício para decidir contra Adrien Bossel. E ele não fez feio: marcou 6/4 6/0 6/4 sobre o 321º colocado e fechou a série a favor dos donos da casa.

 

Um ano após conquistar seu primeiro título na história da competição, a Suíça volta a jogar a respescagem em setembro para se manter na elite do tênis. Já a Bélgica retorna às quartas de final do Grupo Mundial depois de oito anos e aguarda pela definição de rival que sai do confronto entre Canadá e Japão (os canadenses jogam em casa e lideram por 2 a 1).

banner
banner