X

Dupla destaca química, mas ainda não vê momento para atuar juntos

Sábado, 07 de março 2015 às 18:24:48 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Por Fabrizio Gallas, em Buenos Aires - Depois de garantirem o segundo ponto do Brasil com vitória diante dos argentinos Carlos Berlocq e Diego Schwartzman por 7/5 6/3 6/4, Marcelo Melo e Bruno Soares destacam a boa sintonia em Copa Davis com a oitava vitória seguida.



Os dois, que já bateram os irmãos Bryan na casa deles na competição e só perderam uma partida em dez confrontos, diante dos indianos em setembro de 2010, rechaçaram voltar a jogarem juntos pelo menos agora. Eles estarão juntos na Olimpíada do Rio-2016, mas ainda não definiram como será a escalada juntos.

Melo atualmente joga com o croata Ivan Dodig formando uma das cinco melhores duplas do mundo e Bruno com o austríaco Alexander Peya: "Eu e Bruno jogamos juntos desde pequeno, torneios juvenis, depois dois anos no circuito da ATP, vivemos a melhor fase separados e juntos. Quando temos Copa Davis nos reenergizamos e cada vez jogamos melhor. Temos a mesma filosofia em Copa Davis, somamos coisas positivas, temos química muito boa e esperamos seguir assim", disse Melo.

Bruno completou: "Alguns fatores nos leva a crer que no momento seria precipiitado voltar. Vamos a melhor fase separados e juntos. Somos amigos, mesmo não atuando no circuito, viajamos, treinos juntos, somos da mesma cidade (Belo Horizonte). No momento não vamos mudar, mas nada impede que esse momento chegue".

banner
banner