X

Capitão argentino prega cabeça fria para derrotar Brasil

Sexta, 06 de março 2015 às 21:19:25 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Por Fabrizio Gallas, em Buenos Aires - Daniel Orsanic, capitão do time argentino da Copa Davis, destacou que o time precisa ter cabeça tranquila para vencer duelo duro diante do Brasil na primeira rodada do Grupo Mundial em Tecnópolis após o 1 a 1 do primeiro dia.



Orsanic comentou sobre a derrota no primeiro jogo de Carlos Berlocq, 67º, que tinha 3/1 no quarto set e perdeu para João Souza, o Feijão, por 6/4 3/6 5/7 6/3 6/2 em 4h57min: "Foi um dia muito intenso, partida de Berlocq teve muitos altos e baixos, Charlie mostrou como sempre sua luta, sua entrega, foi um titã, mas esteve muito nervoso ao longo da partida, não alcançou o nível que poderia, jogou muito na defensiva. O lado positivo é que pode melhorar para o domingo. foi um duro golpe pra ele após ter a chance no quarto set".

Ele comemorou o jogo de Leonardo Mayer que superou Thomaz Bellucci por 6/4 6/3 1/6 6/3 e afirmou que agora a equipe ficou na briga de novo depois do baque no duelo inicial: "Leo fez uma grande partida, excelente, e nos coloca na briga de novo. Esperava hoje um 2 a 0, mas depois de sair atrás agora estamos na corrida de novo, é ter a cabeça fria agora".

Para Orsanic, a expectativa é que mantenha a dupla com Federico Delbonis e Diego Schwartzman diante de Marcelo Melo e Bruno Soares que só perderam um de oito jogos juntos em Copa Davis, na Índia, em 2010: "Mais provável que joguem Federico Delbonis e Diego Schwartzman, mas ainda teremos algumas conversas no hotel".

Ao ser questionado o quão decisivo seria a dupla, Orsanic minimizou: "Amanhã quem for jogar terá que ter nível excelente, pois eles jogam bem Copa Davis e no circuito. Aqui qualquer ponto é crucial assim como foram os de hoje".

banner
banner