X

Wawrinka exalta fairplay de rival de Nadal: 'Não sei se faria o mesmo'

Quinta, 22 de janeiro 2015 às 04:23:26 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
Após o jogo contra Marius Copil, Stan Wawrinka participou da coletiva em Melbourne e comentou sobre o fair-play entre Tim Smyczek, 112º, e Rafael Nadal, 3º, no qual o qualifer norte- americano pediu para o canhoto de Mallorca repetir o primeiro saque.

O episódio aconteceu na manhã desta quarta-feira, quando o espanhol sacou e um torcedor gritou no meio do movimento levando ele ao erro. Nadal servia em 30 a 0 e 6/5 para fechar o jogo após mais de quatro horas de batalha tensa.

"Eu acho que é ótimo para o tênis. Você não vê isso tantas vezes e é uma grande atitude desportista", afirmou o número 4 do mundo.

Entretanto, quando questionado sobre qual tipo de reação teria caso estivesse no lugar de Tim, o suíço ficou na dúvida.

"Não sei se faria o mesmo. Depois de quatro horas de jogo, eu não sei o que estaria pensando. Só poderia responder se passasse por isso, quando estivesse acontecendo", declarou.

Wawrinka acredita no bom modo de jogar de Tim e diz que o jogo foi bastante duro porque Nadal está voltando aos poucos, mas que vai ser bem perigoso durante o torneio. "Eu não sei o que está acontecendo com ele fisicamente, mas se ele avançar mais, será um grande adversário para todos".

Sobre o seu momento no tênis, o suíço exalta que não gosta de comparar o ano passado com o começo deste ano. E, além disso, confia na sua capacidade para um novo Grand Slam.

"Já se passaram dois jogos, estou pronto para o meu próximo adversário, o Jarkko. Ele é resistente, gosta de usar a velocidade da bola, vai ser interessante", completou.

No retrospecto foram dois jogos entre o suíço e o veterano finlandês Jarkko Nieminen, 72º,com uma vitória cada um.
banner
banner