X

Nadal relata tontura e cansaço e admite que pensou em abandonar

Quarta, 21 de janeiro 2015 às 14:41:14 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
O espanhol Rafael Nadal teve muito trabalho para avançar à terceira rodada do Aberto da Austrália. Depois de uma batalha de 4h12min, ele superou o americano Tim Smyczek por 6/2 3/6 6/7 6/3 7/5 e relatou, em coletiva após a partida, o drama que viveu em quadra.

Leia Mais:
Nadal vence batalha dramática em 4h12

"Não sei bem o que houve. Comecei a me sentir de repente muito, muito cansado já no primeiro set. No terceiro estava exausto. Sofri por quase três horas e meia. Quando fui sacar no começo do terceiro set tive vontade de vomitar", confessou o natural de Manacor, que pediu o médico em quadra no início do 3º set, com quem conversou por alguns minutos. "Estou suando muito aqui. Não sei se é o calor que está maior, a umidade, ou se é minha falta de ritmo por vários meses sem competir. Eu estive perto de não continuar a partida porque estava muito tonto. Achei que fosse cair. A saída foi jogar mais agressivo, tentando matar os pontos rápido e evitando correr muito".

Nadal ainda elogiou o adversário que deu um exemplo de fair-play no quinto set. Quando o espanhol sacava com 6/5 e 30/0, um torcedor gritou na hora do saque. A bola foi fora, mas Smyczek disse que Rafa podia repetir o saque pois havia sido atrapalhado pelo barulho.

"O que ele fez naquele momento foi simplesmente fantástico. Poucos jogadores na mesma situação teriam tido essa atitude. O que ele fez hoje foi um grande exemplo de esportividade que deveria ser seguido por todos", afirmou.

Veja abaixo o vídeo do lance:

banner
banner