X

Djokovic se vinga de Nishikori e busca o TRI em Paris

Sábado, 01 de novembro 2014 às 15:36:14 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
Jogando em ritmo de treino, o líder do ranking da ATP, Novak Djokovic, não encontrou dificuldades contra o cansado japonês Kei Nishikori, sétimo da ATP, e precisou de pouco mais de uma hora para se garantir na final do Masters de Paris-Bercy, onde luta pelo tricampeonato.

Leia Mais:
Djokovic tenta o 20º Masters e vitória 600
Promoção Finals - Ganhe uma Raqueteira da ATP

Djokovic precisou de 1h02 para fechar o placar em 6/2 6/3 tendo convertido oito aces contra um de Nishikori, que cometeu quatro duplas-faltas e bateu 23 erros não-forçados contra 14 do sérvio, que foi uito mais consistente e agressivo e fez 20 bolas vencedoras contra nove do rival.

Djokovic começou o primeiro set em um game longo e com dificuldades, mas não o retrato da partida. O sérvio viu o japonês acusar o cansaço da partida de quartas de final contra David Ferrer da Espanha, e conquistou a quebra de saque no quarto game em erros de Nishikori, abrindo 4/1 e administrando o placar e conquistando nova quebra no oitavo game.

Na segunda parcial, Djokovic voltou a quebrar o saque de Nishikori no quarto game, o viu adotar uma postura agressiva e devolver a quebra. Com 3/2 a favor no placar e saque do rival, Nole voltou a quebrar o serviço do rival e administrou a vantagem.

Djokovic encara o canadense Milos Raonic, que bateu o tcheco Tomas Berdych. Este será o quarto encontro entre os dois tenistas no circuito profissional. O sérvio venceu os três anteriores.

Nole luta pelo seu tricampeonato em Paris, seu 20º troféu de Masters 1000 e sua 600ª vitória na carreira.
banner
banner