X

Moyá exalta o 'inspirado Bellucci' e lamenta pelos 3 centímetros

Domingo, 14 de setembro 2014 às 17:54:18 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
Por Ariane Ferreira - O ex-número um do mundo e capitão espanhol da Copa Davis, Carlos Moyá, não reclamou as ausências dos principais jogadores espanhóis nos playoffs do Grupo Mundial contra o Brasil. O campeão de Roland Garros 1998 exaltou o número um do Brasil.

Leia Mais:
Nadal presta apoio ao time espanhol
Brasil faz história e rebaixa Espanha após 18 anos

"Estas coisas acontecem, jogamos contra uma grande equipe, um grandíssimo Bellucci. Eu não esperava que ele se apresentasse desta maneira, estava inspirado. Tentamos tudo, demos tudo em quadra e não foi suficiente. Eu acredito que foi uma lástima no primeiro dia que tivemos um match-point, aí o Bellucci bateu a esquerda e a bola pegou na linha. São coisas de três ou quatro centímetros, podia ter mudado a eliminatória, mudou", iniciou sua coletiva analisando a derrota.

"De nossa parte, temos que felicitar a equipe brasileira. Jogaram muito bem. E nós lutamos, houve muita entrega dos jogadores e assim é o esporte: uma hora você ganha e na outra você perde”, resumiu Moyá.

Esta será a primeira vez da Espanha na segunda divisão da Copa Davis desde 1996, a experiência é incômoda, mesmo para o capitão Carlos Moyá que nunca disputou o torneio nesta categoria, mas ele segue confiante: "Quando estávamos na segunda divisão, eu estava começando a minha carreira e assim não tive a experiência de viver jogar ali. Acredito que será um ano e a partir de 2016 traremos a Espanha de volta", afirmou convicto.

Moyá não quis falar das ausências dos grandes nomes espanhóis ao confronto e disse que confia na equipe que trouxe ao Brasil: "Se não falei das ausências antes da eliminatória, não farei agora na derrota. Estes jogadores estão aqui até o fim e estamos juntos nisto".



banner
banner