X

De Paula vai às 8ªs em Medellin e pega cabeça 1 algoz de Sant´Anna

Quarta, 03 de setembro 2014 às 22:52:38 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
Fabiano de Paula (Estácio/Correios), atleta da equipe Tennis Route, do Rio de Janeiro, se garantiu, nesta quarta-feira, nas oitavas de final do torneio challenger de Medellin, na Colômbia, evento sobre o piso de saibro com premiação de US$ 50 mil mais hospedagem. O evento dá 90 pontos ao campeão no ranking mundial da ATP.

Fabiano, tenista da comunidade da Rocinha, derrotou o grego Theodoros Angelinos, 361º colocado, por 2 sets a 0 com um duplo 6/4: "Já sabia que ele iria sacar e querer usar a direita dele, tentei ser intenso na maioria dos pontos e buscar o momento certo para buscar o ataque e comandar os pontos. Deu certo", destacou De Paula que lutará por vaga nas 4ªs de final diante do cabeça de chave 1, o colombiano Alejandro Gonzalez, 100º colocado, que marcou 6/3 7/6 (7/4) sobre o brasileuro Bruno Sant´Anna: "Está entre os 100 melhores, é sólido, mas estou pronto para o jogo". O jogo será nesta quinta-feira às 20h, horário de Brasília.

De Paula também venceu nas duplas ao lado do gaúcho Guilherme Clezar. Os dois bateram a dupla cabeça de chave dois formada pelo americano Kevin King e o colombiano Juan Spir com parciais de 6/4 7/6 (9/7) e enfrentam o boliviano Hugo Dellien e o peruano Sergio Galdos, também nesta quinta após a partida de simples.

A Tennis Route, idealizada por Rogério Melzi tem a coordenação administrativa de Miguel Tepedino e técnica dos sócios, Eduardo "Duda" Matos, João Zwetsch e Walter "Gringo" Preidkman, contando com cerca de 20 atletas entre eles Fabiano de Paula e Marcelo Demoliner. A Academia, que está situada no Rio de Janeiro, no Recreio dos Bandeirantes em anexo ao hotel Atlântico Sul, é patrocinada pelas empresas Estácio, Unimed, Pró-Tênis Barra e Bichara Advogados além do staff citado acima, conta com treinadores assistentes, rebatedores, preparador físico, e fisioterapeutas e de suporte nas áreas de medicina esportiva, psicologia, e nutrição. A infraestrutura segue recebendo investimentos em melhorias com o objetivo de tornar o ambiente cada vez mais propício ao desenvolvimento do esporte. E, falando em ambiente, o clima entre os atletas, membros da equipe, patrocinadores, e apoiadores, segue como um dos pontos fortes desse projeto que cada vez mais ocupa seu espaço no tênis brasileiro.
banner
banner