X

Rogerinho vibra com título e vislumbra volta ao top 100

Domingo, 20 de abril 2014 às 15:53:49 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
O paulista Rogério Dutra Silva venceu neste domingo o esloveno Blaz Rola por 6/4 6/2 e conquistou o título do São Paulo Challenger. O evento aconteceu entre os dias 12 e 20 de abril no Clube Paineiras do Morumby, na capital paulista, sobre o piso de saibro.

Rogerinho fez um ótimo jogo. Sacou bem, correu muito em todas as bolas, mas acima de tudo, devolveu muito bem, neutralizando o adversário. Com o apoio da torcida, o brasileiro venceu por 6/4 6/2 e levantou o 5o troféu em torneios Challenger diante da família e da esposa que está grávida de quase quatro meses de Luiza. A vitória marcou também o retorno de Rogério aos bons resultados depois de um início de temporada conturbado.

"O título veio em muito boa hora, passou um filme na minha cabeça com tudo que aconteceu desde o início do ano, lesões, não sabia se voltaria a jogar em um nível bom, ficam aquelas dúvidas, aí todo mundo falando que eu já tenho 30 anos, mas mantive a calma, minha família e minha mulher me ajudaram bastante e agora é dar continuidade na carreira".

Pelo título, Rogério Dutra Silva ganhou 80 pontos e US$ 5.750 mil em premiação. Na próxima semana, Silva joga em Santos com um novo objetivo, retornar ao seu melhor ranking.

"Agora quero conseguir crescer o máximo possível, com o objetivo de voltar ao top 100. Eu tinha conseguido no ano passado, mas quando ia desfrutar infelizmente eu lesionei, são coisas da vida, mas vou tentar voltar lá e desfrutar disso, não ter que jogar todos os qualis, estar ali no meio dos caras", explicou. Muito mais tranquilo e forte mentalmente, Rogerinho conta que está vivendo uma nova fase na vida e garante que ainda tem muita carreira pela frente. "Estou muito mais tranquilo, vou ser pai agora, é uma fase nova da vida que está me ajudando muito, estou desfrutando cada dia, muito mais tranquilo, vendo a vida diferente. E com certeza ainda tenho muita lenha pra queimar, ainda posso ter muitos anos de carreira pela frente". Blaz Rola, vice-campeão, vai somar 48 pontos e embolsar um cheque de US$ 3.390 mil e deve chegar muito próximo do top 100.
banner
banner