X

Djokovic vence Murray com lance polêmico e vai à semi em Miami

Quarta, 26 de março 2014 às 18:56:47 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
Novak Djokovic, número dois do mundo, superou seu amigo e sexto colocado, Andy Murray, no fim da tarde desta quarta-feira para garantir passaporte rumo às semifinais do Masters 1000 de Miami, na Flórida. O duelo teve direito a lance polêmico que impactou no resultado.

Leia Mais:
Murray reclama de árbitro, mas evita ampliar polêmica
Murray terá pior ranking em 6 anos

Djokovic superou o escocês atual campeão do torneio por 2 sets a 0 com parciais de 7/5 6/3 após 1h30min de duração.

O dono de três títulos em Key Biscayne marcou sua 12ª vitória em 20 partidas contra Murray e se vingou da derrota na final de Wimbledon no ano passado. Enquanto isso o natural de Dunblane segue sem finais no ano onde voltou após meses parado pela cirurgia nas costas. Ele disputou seis torneios.

Na semifinal, Djokovic aguarda por Roger Federer, quinto do ranking, ou Kei Nishikori, japonês e 21º da ATP. Nole vem do título do Masters 1000 de Indian Wells, na Califórnia, derrotando exatamente Federer.

O jogo

Um primeiro set de alto nível com os dois sacando muito bem (83% de aproveitamento de 1º saque de Djokovic e 76% de Murray)e jogando agressivos e muito firmes. Djokovic teve duas chances no início salvas com propriedade por Murray que teve a sua no 5/5, mas errou na rede.

Polêmica decisiva

No game seguinte um lance polêmico. Djokovic invadiu com a raquete o lado de Murray para matar uma bola. O árbitro não viu, deu o ponto para o sérvio. Murray olhou o replay no telão e reclamou com razão já que a regra tira o ponto do invasor. A cabeça de Andy foi embora, ele errou seguidamente, perdeu o saque e o set por 7/5.

No segundo set, Murray foi agressivo, quebrou no 3/2 indo pra cima e antecipando voleio, mas perdeu o saque na sequência quando tinha o game nas mãos. Novamente seu mental foi pro espaço. Djokovic virou para 4/3, quebrou novamente e fechou por 6/3 com winner de forehand.
banner
banner