X
banner

Gonzalez e Volandri decidem o Challenger Finals em SP

Domingo, 17 de novembro 2013 às 11:05:51 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
O campeão do ATP Challenger Tour Finals será conhecido, neste domingo, a partir das 15h, na Sociedade Harmonia de Tênis. O colombiano Alejandro Gonzalez e o italiano Filippo Volandri decidem o título desta terceira edição do torneio que irá coroar o campeão da temporada. A partida terá transmissão ao vivo pelo SporTV e Bandsports. A entrada do público é gratuita.

Único tenista com campanha invicta no ATP Challenger Tour Finals, Gonzalez carimbou sua vaga na decisão do torneio que fecha a temporada 2013 ao derrotar uma das gratas surpresas da competição, o ucraniano Oleksandr Nedovyesov, que não resistiu ao cansaço físico no set final: parciais de 6/3 6/7 (6) 6/0.

Garantido no top 100 pela primeira vez na carreira, o tenista natural de Medellín pode ser o primeiro campeão invicto da história do ATP Challenger Tour Finals.

A campanha invicta com 4 vitórias, duas delas sobre adversários no top 100, representa um marco na carreira, segundo o colombiano. "É um dos torneios mais importantes que joguei na minha carreira, a verdade é que estou muito feliz pelo meu desempenho. Apesar do cansaço após 4 jogos intensos, vou com tudo amanhã", afirma o tenista, que após a vitória distribuiu autógrafos e tirou fotos com 30 crianças do projeto Arquitetos da Vida, de Campinas (SP).

A possibilidade de faturar a premiação máxima do ATP Challenger Tour Finals, de US$ 91,200 mil, - um valor que Gonzalez sequer conquistou durante toda a sua temporada 2013 com três títulos Challengers -, não afeta seu foco para a grande decisão. "É sem dúvida uma grande premiação, mas tenho que pensar em aproveitar o momento, estou jogando solto e vivo uma grande semana. O importante é eu me sentir bem em quadra, isso é o que vale", revela Gonzalez.

No retrospecto contra Volandri, Gonzalez está bem cotado. Diante do italiano, o colombiano venceu a partida da fase de grupos em dois sets. Caso conquiste seu quarto título no ano (todos eles sobre o saibro), Gonzalez somará 125 pontos no ranking, um número maior do que o conquistado pelo alemão Cedrik Marcel Stebe e o argentino Guido Pella, os dois últimos campeões do torneio.

Nem mesmo a chuva que chegou na Sociedade Harmonia de Tênis no último game da segunda semifinal do ATP Challenger Tour Finals impediu a vitória de Volandri diante do russo Teymuraz Gabashvili, por 7/5 2/6 6/4.

Em uma partida de 2 horas de duração, Volandri conseguiu grandes viradas no primeiro e no terceiro sets para garantir vaga na final. Gabashvili aproveitou alguns erros não forçados do rival para abrir 5/2 na primeira parcial. Porém, teve o serviço quebrado de zero ao sacar em 5/3, demonstrou muita irritação em quadra e permitiu que Volandri marcasse 7/5.

No segundo set foi a vez do tenista de 32 anos se desconcentrar depois de quatro games. Gabashvili aproveitou o momento e chegou a marcar seis games seguidos, abrindo vantagem na parcial decisiva. Em outra grande recuperação, Volandri reverteu o placar de 2/4 para 6/4 e comemorou muito a vitória, já sob chuva na quadra central.

"Eu não tenho um grande serviço, então preciso lutar sempre, é normal para mim. Muita gente me conhece aqui e o público estava torcendo por mim, o que também ajudou", disse o italiano.

A decisão contra Gonzalez será uma chance para o italiano descontar a derrota que sofreu na última quarta-feira. Na abertura do Grupo Amarelo, o colombiano marcou duplo 6/3 no primeiro duelo entre eles no circuito profissional.

"Vai ser um jogo diferente, agora é a final. No primeiro jogo eu tinha acabado de chegar da Europa, agora estou mais confortável em quadra e espero pelo menos jogar melhor do que no primeiro jogo", disse Volandri.
banner
banner