X

Nadal culpa o saque e diz: 'Derrota não muda nada'

Segunda, 11 de novembro 2013 às 22:20:12 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
Por Fabrizio Gallas, em Londres - O sonhado título não veio. Rafael Nadal, número 1 do mundo, lamentou a derrota para Novak Djokovic, segundo colocado, na final do ATP World Finals e culpou a ineficiência do serviço na queda por 6/3 6/4 na noite desta segunda-feira.

Foto: Gustavo Werneck / Nittenis

“O nível de tênis foi similar e o de saque não foi. O que posso dizer o que fez diferença foi o saque, ele sacou bem e eu não. Ele fez o primeiro golpe bem e eu não. Não estava muito longe do seu nível, mas ele jogou com mais chance do que eu por conta do meu saque”, recriminou o espanhol que acreditou ter nível parecido com o rival ao longo do encontro, o 39º entre os dois (soma 22 vitórias e 17 derrotas).

“No início ele jogou melhor que eu até o quarto game. Depois disso não vi diferença. Depois disso eu acho que joguei agressivo, tive o controle muitas vezes com meu forehand, mas não tive muita sorte com algumas bolas no fim do set. No 15/30 5/3 pra ele ele bateu uma bola na fita que caiu no meu lado. No fim perdi um pouco. No 1/1 cometi três erros , sinto que joguei muito agressivo com i primeiro golpe, mas foi demais e cometi muitos erros e ele tomou a vantagem que veio para a parte mental com uma quebra acima", disse Nadal que não esqueceu de congratular o rival.

"O que posso dizer é congratulá-lo, ele jogou melhor que eu".

O torneio que reúne os oito melhores do ano e fecha o ano é o único grande que o espanhol não tem na carreira e pela segunda vez ele ficou com o vice. O natural de Manacor não tem muito a lamentar a perda.

"Não estou desapontado, esse é o esporte, essa derrota não vai mudar minha carreira, normalmente aceito bem as derrotas e o fato de não ter vencido aqui não me fará melhor na história".
banner
banner