X

Djokovic elimina Wawrinka e encara Federer na semi em Paris

Sexta, 01 de novembro 2013 às 12:47:57 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
O vice-líder do ranking mundial, o sérvio Novak Djokovic, manteve sua invencibilidade de 15 jogos e eliminou o freguês Stanislas Wawrinka, oitavo da ATP, na primeira partida de quartas de final do Masters de Paris, na França. Nole aguarda por Federer ou Del Potro.

Djokovic não sofreu contra Wawrinka como anteriormente este ano nas chaves do US Open e do Australian Open. O sérvio precisou de 1h21 para fechar o placar em 6/1 6/4 e ser o primeiro semifinalista da chave do último Masters do ano. Tranquilo e firme em toda a partida, Nole bateu 21 bolas vencedoras contra 15 do suíço, que cometeu 24 erros não-forçados contra 17 do sérvio.

Em um primeiro set que iniciou-se muito disputado, Djokovic se aproveitou da ansiedade do rival para conquistar a quebra no segundo game da partida e abrir 3/0 no placar. No terceiro game, o sérvio precisou salvar duas chances de quebra, mas seguiu firme. No quinto game da etapa, Wawrinka fez um game desastroso, cometeu uma dupla-falta e dois erros não-forçados para ser quebrado e ver o rival dominar a parcial.

No segundo set, Wawrinka começou sólido, salvou uma chance de quebra no primeiro game e fez o sérvio batalhar por 10 minutos no game seguinte e salvar quatro breakpoints e manter o placar igualado. O set seguiu disputado até o sétimo game, quando o suíço fez novo game desastroso e com dupla-falta e erro não-forçado teve seu serviço quebrado. Impaciente e afobado, Wawrinka pecou na escolha das jogadas e viu o sérvio sacar para a partida.

O sérvio segue na briga pelo posto de número um do mundo até o fim da temporada. Invicto há 15 jogos, Djokovic não perde desde a final do US Open,quando foi derrotado pelo atual líder, o espanhol Rafael Nadal. Neste intervalo de tempo, Djokovic venceu o ATP 500 de Pequim e venceu o Masters de Xangai, ambos na China, disputado em quadras rápidas cobertas, como o Masters francês.

Nole voltará a encontrar Roger Federer após quase um ano. O suíço, sexto do ranking, superou Juan Del Potro, quinto colocado, por 6/3 4/6 6/3 após 1h43min. Federer o venceu em 16 dos 19 jogos, mas Nole levou a melhor na decisão do ATP Finals em novembro do ano passado por apertados 7/6 (8/6) 7/5.
banner
banner