X

Djokovic bate Del Potro e fatura o Bicampeonato em Xangai

Domingo, 13 de outubro 2013 às 09:26:12 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
Novak Djokovic, número dois do mundo, conquistou, neste domingo, o titulo do Masters 1000 de Xangai pela segunda vez consecutiva. O sérvio venceu o argentino Juan Martin Del Potro, quinto do ranking e que vinha de vitória sobre Rafael Nadal, lider da ATP, na fase semifinal.

Foto: Shanghai Rolex Masters

O sérvio superou o sul-americano por 2 sets a 1, com parciais de 6/1 3/6 7/6 (7/3), após 2h32min de duração.

Djokovic ergue seu 15º título de Masters, o 39º caneco da carreira e o quinto na temporada. Ele faturou os canecos do Australian Open
, Miami, Dubai e Pequim.

Del Potro, por sua vez, perde a terceira final de Masters e segue sem conquistas neste tipo de evento. Em 2013, ele foi vice em Indian Wells, caindo diante de Nadal, e, em 2009, perdeu em Montreal para Andy Murray. De consolo, resta a vaga garantida no ATP Finals de Londres.

Djokovic fatura a 20ª vitória seguida na China e o setimo caneco no país, onde não perde desde a semi de 2010 de Xangai para Roger Federer. Lembrando que, em 2011, ele não jogou na Ásia por problemas fisicos.

Jogo

Nole começou a partida de forma soberana. Sem dar chances a Delpo, o sérvio abriu 5 a 0 e chegou a ter set point para aplicar um pneu, mas o argentino escapou e fez o seu game. Sem dar sopa para o azar, o tenista europeu confirmou, fechou a série inicial por 6/1 e saiu na frente.

Depois de vencer com facilidade a primeira parcial, Nole diminuiu o ritmo e permitiu que o argentino crescesse na partida. Delpo quebrou o saque no segundo game e já começou abrindo 3/0. Sem abrir brecha, o sul-americano administrou os saques, fechou por 6/3 e empatou a final.

O bom momento de Del Potro acuou Djokovic no terceiro set. O sérvio precisou escapar de um break point no começo para se manter vivo na partida. Após a chance do argentino, o jogo voltou a ficar parelho e o empate persistiu.

Quando Djoko liderava por 5/4, teve duas chances de fechar a partida no saque do oponente. Delpo conseguiu sair das cordas, confirmou e empatou a série. A definição acabou indo para o desempate.

No tiebreak, Nole abriu vantagem de 4 a 2 após conseguir winner de direita. Em seguida, com outro winner, o número 2 do mundo fechou por 7 a 3 e sacramentou a conquista de seu 15º Masters.
banner
banner