X

Carlos Moyá é o novo capitão espanhol da Copa Davis

Terça, 17 de setembro 2013 às 13:50:36 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
De acordo com informações do jornalista Temeu Terrasa, o ex-líder do ranking da ATP, Carlos Moyá é o novo capitão da Espanha na Copa Davis. O jornalista que é próximo a Moyá confirmou que apenas o cargo de capitão foi mudado dentro da Real Federação Espanhola de Tênis.

Moyá, que já participará do sorteio da primeira rodada do torneio em 2014 nesta quinta-feira, entra para substituir Álex Corretja, que na noite de ontem em entrevista ao programa Planeta Tênis da Rádio Star de Barcelona, afirmou que estava negociando sua permanência no cargo.

"Estamos conversando sobre o andamento do projeto ou não. 2013 foi um ano complicado, mas a RFET compreende que fomos à casa do adversário (Canadá) sem meus nossos sete melhores jogadores, quase todos afastado por lesão. O time espanhol, mesmo com seu décimo melhor atleta é forte e entendo algumas críticas que recebi. Cumprimos o objetivo, permanecemos no Grupo Mundial e sim há muito trabalho a ser feito", disse à rádio.

O catalão, vice-campeão de Roland Garros em 2001, quando perdeu de Gustavo Kuerten, vem sofrendo severas criticas, inclusive internamente, depois da derrota da Espanha na final da Copa Davis em Praga diante da República Tcheca em 2013. Na oportunidade, Corretja preferiu escalar Nicolas Almagro, que sofria com dores no ombro em virtude de uma bursite, e preteriu o especialista em quadra rápida Feliciano López, que não se aguentou e criticou publicamente a escolha do capitão, depois de falar com ele.

Esta não é a primeira que o campeão de Roland Garros em 1998 é eleito como um os favoritos ao cargo de capitão. No fim de 2011, dada a promoção de Albert Costa, antigo capitão espanhol, ao posto de diretor esportivo da federação, Carlos Moyá foi procurado pelo presidente da RFET Pedro Hernandez para assumir o cargo, mas Charly não aceitou por "não achar que fosse o momento", disse ao jornal AS na oportunidade. Com o cargo preterido por Moyá, Corretja, a segunda opção, assumiu o cargo com objetivo de trabalhar por quatro anos, mas com contratos firmados a cada dois anos.

Atualmente, Moyá atua como diretor na organização do Masters de Madrid, é jogador do circuito de veteranos da ATP, além de exercer trabalhos como colunista do jornal El País e analista esportivo do Canal +, da Espanha.

Grande ídolo de Rafael Nadal, Carlos Moyá foi o primeiro espanhol a liderar o ranking na Era Open, durante duas semanas em 1999. Em toda a carreira profissional foram 20 títulos e outras 24 finais.

Moyá na Copa Davis - Como jogador, Carlos Moyá tem 20 vitórias e sete derrotas em jogos disputados pela Copa Davis, uma delas para Gustavo Kuerten na primeira rodada do torneio em 1999. Na oportunidade o Brasil aplacou a Espanha por 3x2 protagonizando assim a última derrota da Armada em casa.

Moyá fez parte do time campeão em 2004 contra os Estados Unidos de Andy Roddick, ao lado de Rafael Nadal, Juan Carlos Ferrero e Tommy Robredo. Além de ser vice-campeão em 2003 contra a Austrália de Lleyton Hewitt.
banner
banner