X

Del Potro despacha canadense e vai à 3ª rodada em Londres

Quinta, 27 de junho 2013 às 11:25:40 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
Juan Martin Del Potro não quis saber de zebra em sua partida de segunda rodada em Wimbledon. O argentino até levou um susto no 2º set, mas despachou o canadense Jesse Levine, número 112 do ranking, por 3 sets a 0, com parciais de 6/2 7/6 (9/7) e 6/3, em 1h59min.

O argentino começou com tudo na partida. Sem cometer erros nos games iniciais, Delpo conseguiu duas quebras consecutivas e rapidamente abriu 4/0. Levine acordou em seguida, conseguiu confirmar seus serviços, mas não teve como evitar a tranquila vitória do argentino por 6/2, em 31 minutos.

No segundo set, Del Potro cometeu seu único pecado no jogo. No quarto game, ele atuou abaixo de seu nível e perdeu o saque com erro de esquerda. Levine aproveitou para crescer na partida e atuar com agressividade. Sem dar brechas, o canadense abriu 5/2 e esteve perto de fechar a série.

Nesse momento, entretanto, Del Potro cresceu. Quando o rival sacava em 5/3, o argentino pressionou, foi à rede e teve chance de quebrar. Levine salvou com um lob espetacular, mas se afobou em seguida. Com dois erros bobos, o canadense perdeu o saque e permitiu a reação do oponente.

Com o set empatado, a definição acabou indo para o tie-break. Levine chegou a abrir dois minibreaks, mas não sustentou a vantagem. Del Potro deu o bote na hora certa e virou o placar. O canadense não desistiu, continuou lutando, mas sucumbiu por 9 a 7, após passada do adversário. A parcial durou 57 minutos.

No terceiro set, Del Potro se aproveitou da confiança e quebrou no segundo game. Sem dar mole para o adversário, o argentino administrou os serviços e fechou por 6/3, com um ace no ponto final. O set durou apenas 31 minutos.

Na 3ª rodada, Delpo enfrenta o vencedor do confronto entre o búlgaro Grigor Dimitrov e o esloveno Grega Zemlja. O argentino busca em Wimbledon passar das oitavas de final pela primeira vez na carreira.
banner
banner