X

Saretta diz que está deixando Jaime Oncins

Terça, 29 de agosto 2006 às 00:03:25 AMT

Link Curto:

Flavio Saretta - Floripa
Atual tenista número 2 do Brasil (que será número três após o US Open com ascenção de Thiago Alves), o paulista Flávio Saretta admitiu estar terminando sua parceria que começou no início da temporada com Jaime Oncins, . Em entrevista concedida ao programa Primeiro Serviço Especial realizado pelo Sportv o tenista que não viajou com Jaiminho para Nova York também falou que os problemas na parte física foram fundamentais para sua derrota diante de Tommy Robredo por 6/2 6/1 6/2 nesta segunda-feira.

Paulista é arrasado por Tommy Robredo

"Eu e Jaime estamos numa conversa forte, resolvendo algumas coisas. De repente mudei algumas coisas, minha prioridade e acredito que o Jaime não concorda comigo, minha prioridade é diferente da dele. Estamos tentando caminhos diferentes" declarou o atual 121º do ranking que viajou com um amigo para o US Open e fez teve a ajuda de Mauro Menezes, técnico da Copa Davis, em alguns treinos.

A parceria entre Saretta e Oncins começou no início da temporada e logo de cara o tenista levantou o título do Aberto de SP em janeiro. No restante, Saretta acumulou uma temporada irregular com vitórias sobre Juan Carlos Ferrero no Brasil Open e Marat Safin no Masters Series de Hamburgo, além de decepções com derrotas em primeiras rodadas de ATPs.

Sobre sua derrota para Robredo na primeira rodada no US Open, Saretta, disse ter feito uma partida dura, mas lamentou não estar preparado fisicamente: "Foi um jogo duro independente do resultado. Foi bem disputado, a maioria dos games foram 40 iguais e na hora de definir eu pequei um pouquinho. Não saio satisfeito com a derrota, mas a parte fisica pequei um pouco, não aguentei. Queria definir mais rápido alguns pontos, sem paciência."

Ele explicou o motivo da má forma física: "Parei umas duas semanas depois de uma série de torneiso na Europa. Depois de voltar a treinar fui pega meu filho no colo cai machuquei embaixo do braço, tive problemas para sacar."

Agora, o tenista de Americana (SP) retorna para o Brasil e só volta a jogar na Copa Davis entre os dias 22 e 24 de setembro: "Quero concentrar a parte física. Se treinar bem uma semana já começo bem de novo", adicionou ele que gostou ainda comentou sobre o confronto diante da Suécia: "Jogando em Nova Lima com altitude o bixo iria pegar. Agora baixando a altitude terá mais oxigênio pra gente. Queremos o mais lento possível para fazer os caras correrem. Queremos atrapalhar mais ainda a vida dos caras"
banner
banner