X

André Sá e Ricardo Mello embarcam para o US Open

Sexta, 18 de agosto 2006 às 14:30:59 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
Depois de alguns dias de treino na quadra dura do Hotel Parador, em Estaleirinho, litoral de Santa Catarina, o tenista André Sá (Compañion) embarca neste sábado para os Estados Unidos onde disputa o qualifying do US Open, a partir do dia 22 de agosto, terça-feira.

O tenista vai jogar o quali de simples do último Grand Slam do ano e tentar entrar direto na chave de duplas, o que vai depender do ranking do parceiro que ele encontrar.

Com os resultados alcançados nos torneios da série Challenger no Brasil, onde fez semifinal em Campos do Jordão, final em Belo Horizonte e quartas-de-final em Santa Catarina, além da conquista de dois títulos e um vice-campeonato de duplas, as metas traçadas para o primeiro semestre, que eram defender os pontos no ranking e manter ou melhorar a posição na lista, foram alcançadas. Agora, André, atualmente 186o colocado em simples na ATP, parte para novos desafios, que é terminar a temporada abaixo de 150 e o mais próximo possível do top 100.

“André tem apenas 30 pontos para defender até abril do ano que vem, ou seja, se continuarmos o trabalhar sério, ele pode subir bastante e alcançar os objetivos do segundo semestre, para começar a próxima temporada jogando torneio grandes da ATP” , explicou Marcus Vinicius Barbosa, que segue com Sá para o US Open.

O qualifying acontece de 22 a 25 de agosto e a chave principal, de 28 a 10 de setembro.

Depois de uma semana de preparação intensa, o tenista campineiro Ricardo Mello (Babolat) viaja neste sábado para os Estados Unidos onde disputa, a partir da próxima terça-feira, o qualifying do US Open, o último Grand Slam da temporada.

Mello finalizou a preparação em quadra na manhã desta sexta-feira, treinando ao lado do tenista Júlio Silva, que também jogará o quali do torneio. À tarde só realizou treino físico.

“A expectativa para a viagem é muito boa. Estou bem treinado e confiante no meu jogo”, disse Mello, que ocupa a 133ª posição no ranking da ATP e disputa o Grand Slam norte-americano pela sexta vez. “Já estou adaptado a esse torneio e gosto muito de disputá-lo”, completou o tenista.

banner
banner