X
banner

Bellucci faz coro com Nadal e pede por mais quadras de saibro no circuito

Segunda, 10 de dezembro 2012 às 03:30:56 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
Por Ariane Ferreira - O número um do Brasil, Thomaz Bellucci, finalizou sua participação na Gillette Federer Tour em São Paulo fazendo um balanço sobre a importância do torneio pro esporte e fez coro com o espanhol Rafael Nadal contra as quadras rápidas.

"Hoje em dia uns 70% dos torneios são jogados em quadra rápida, eu acho que já está comprovado que a quadra rápida machuca mais que o saibro, é só observar que a quantidade de lesões que a gente teve no circuito foi muito grande", afirma o brasileiro fazendo coro a observações recentes do espanhol Rafael Nadal e do australiano Lleyton Hewitt .

Bellucci relembra que "muitos torneios já perderam grandes jogadores como (Roger) Federer e (Novak) Djokovic", tudo por conta de diferetes lesões. O número um do Brasil ainda lembra que existem alguns torneios que vão trocar as quadras de saibro por quadra rápida e pontua "Sou totalmente contra! Eu acho que a gente tem tanto poucos torneios no saibro e se forem tirar, acaba o pouco da graça do esporte, que é esse negócio do jogador a se adaptar à vários tipos de quadra", opinou.

A quantidade de torneios em piso rápido também interfere no ranking, como destaca o brasileiro: "Hoje em dia tem um cara que joga bem na quadra rápida e não faz um bom torneio no saibro, mas consegue ser bem ranqueado. Eu acho que o jogador para ser completo, tem que jogar em todo o tipo de quadra. Se você for ver, os quatro melhores jogadores jogam bem qualquer tipo de quadra e eu acho que isso é o bom do esporte também", pontuou destacando que o tênis é um dos poucos esportes em que a superfície muda para a disputa.

Sobre o torneio-exibição, Bellucci disse que eventos como este ajudam a tornar o tênis um esporte conhecido e mais acessível, apesar do alto valor do ingresso para os padrões brasileiros: "Este tipo de jogo incentiva a garotada e isso é muito importante para o futuro do esporte", opinou.
banner
banner