X
banner

'Vencer US Open e Olimpíada tirou um peso enorme de minhas costas', Murray

Quarta, 05 de dezembro 2012 às 12:09:22 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
O britânico Andy Murray, terceiro do ranking mundial, concedeu longa entrevista à Revista ESPN norte-americana e fez um balanço sobre sua temporada. 2012 foi a melhor campanha da carreira do tenista, que venceu o ouro Olímpico e seu primeiro Grand Slam, no US Open.

Murray contou porque foi visto várias vezes sozinho nas arquibancadas do "All England Club" em dias que não tinha jogos. "Foi um momento de reflexão, na verdade. Isto me deu tempo para pensar nos jogos que ali joguei, as lembranças dos jogos que acompanhei ali desde criança. Tanta história me ajudou a perceber quanta tradição há naquelas quadras", confessou.

O britânico contou que a experiência de perder o Australian Open para o sérvio Nova Djokovic e Wimbledon para Roger Federer o auxiliaram nas conquistas que obteve este ano: "Jogar a grande final de Wimbledon antes me ajudou mais que qualquer coisa", disse. Andy completou dizendo que após viver a experiência pela primeira vez, o atleta fica mais seguro em uma nova oportunidade.

"Vencer o US Open e os Jogos Olímpicos tirou um peso enorme de minhas costas", confessou Murray, dizendo que os resultados não vieram antes porque ficou obcecado pelos títulos que lhe eram cobrados e esqueceu dos outros jogos.

Murray ainda comentou o apoio da torcida após sua derrota em Wimbledon: "não sei se sentiam pena de mim ou se foi porque aquela foi a primeira vez em que os fãs me viram externar alguma emoção. Sinto que o apoio me fez mudar nas Olimpíadas", relatou, frisando que é um atleta emocional em quadra e reservado fora dela.
banner
banner