X

Soderling está conformado caso não volte às quadras

Segunda, 26 de novembro 2012 às 16:33:38 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
Robin Sordeling, ex-número 4 do ranking, concedeu uma entrevista à equipe do site da ESPN americana. O tenista confessou ter se acostumado com a ideia de que pode ser que não consiga voltar a jogar tênis profissionalmente e admitiu ser muito sisudo no circuito.

Soderling está afastado das quadras há um ano e meio em virtude de uma mononucleose, doença infecciosa que já afetou outros tenistas, como Roger Federer e Andy Roddick em estágios mais leves.

"Nos últimos dois meses, tive semanas e dias melhores, o que me deu esperança, mas tive reveses e me senti pior de novo", disse Soderling. "No geral, está ficando melhor, mas eu não sou tão desesperado para voltar (às quadras). Aprendi a viver com o pensamento de que talvez isso não seja possível. Aconteça o que acontecer, eu vou sentir que fiz tudo o que pude", resumiu.

Robin consultou muitos médicos e chegou a viajar para a Califórnia em busca de outras opiniões. Exames recentes apontam alteração na glândula tireóide, o que ocasiona fadiga excessiva. Apesar da melhora dos resultados dos exames, o tenista não está 100%.

"A esperança, a desesperança, a esperança de novo e, então, o desespero - que realmente me mata", desabafou . "Me sinto muito bem, então eu começo a treinar e então penso que talvez em meses eu possa voltar e realmente acredito nisso. Daí me esforço demais e acordo não me sentindo bem novamente", disse ao repórter, assumindo que a incerteza é um sentimento praticamente insuportável.

Aos 28 anos, Soderling pode repensar sua carreira e vida. "O tempo me ajudou a relaxar", contou. Ele reconhece que poderia ter "relaxado" mais no circuito dedicando-se "90% ao tênis e 10% a relaxar", inclusive se relacionando melhor e mais com os colegas.

banner
banner