X

Final do Australian Open, o melhor jogo de 2012

Sexta, 23 de novembro 2012 às 13:29:28 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
Continuando na eleição das melhores partidas do ano, a ATP elegeu os cinco melhores encontros da temporada em jogos de Copa Davis, Grand Slams e da Olimpíada. A decisão histórica do Australian Open entre Novak Djokovic e Rafael Nadal foi eleita a melhor.

A batalha bateu o recorde do torneio, com 5h53min de duração começando pouco depois das 19h30 horário local e terminando depois de 1h30 da manhã de segunda-feira.

Djokovic saiu vencedor pelo placar de 5/7 6/4 6/2 6/7 (7/5) 7/5. Nadal vinha de seis derrotas seguidas para o sérvio e tentava cartada para derrotá-lo após vencer Federer na semifinal. Djokovic, que havia passado por quatro horas na semi contra Andy Murray, tentava o tri em Melbourne. Nadal saiu na frente, tomou a virada, e teve 4/2 com 30/15 na última etapa. Um erro bobo em passada fácil mudou o jogo. Djokovic devolveu a quebra e após longo game quebrou para encerrar o jogo que ainda teve emoções no game decisivo.

"Fisicamente foi a partida mais dura que já enfrentei. Curti fazer parte dessa partida, foi um show", disse o derrotado Nadal.

"Nós vivemos para estas partidas, treinamos para elas", vibrou Djokovic.

A ATP elegeu a semi em que Djokovic bateu Murray também em cinco sets como o segundo melhor encontro do ano. O jogo com placar de 6-3, 3-6, 6-7(4), 6-1, 7-5 durou 4h50min.

Outro duelo entre Murray x Djokovic foi o terceiro encontro da temporada. A final do US Open vencida pelo britânico em cinco sets.

O quarto jogo foi a Olimpíada entre Federer x Del Potro com 19/17 pro suíço na terceira etapa e 4h26min de batalha. O quinto foi a vitória de David Ferrer sobre Janko Tipsarevic nas quartas do US Open após 4h31min.
banner
banner