X

Federer acaba com invencibilidade de Ferrer e está na semi em Londres

Quinta, 08 de novembro 2012 às 14:01:16 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
Roger Federer, número dois do mundo e dono de seis títulos do ATP World Finals, se tornou, na tarde desta quinta-feira, o primeiro classificado às semifinais do torneio que reúne os oito melhores da temporada e é jogado na O2 Arena de Londres, na Inglaterra.

Leia Mais:
Federer aliviado com dura vitória sobre Ferrer
Federer recebe prêmio e agradece fãs: 'Vocês me inspiram'
Desafio ATP Finals - Último Dia - Ganhe uma Raquete!
Siga o Tênis News no Twitter!

Federer aplicou 6/4 7/6 (7/5) sobre o espanhol David Ferrer, quinto do mundo, após 1h48min na segunda rodada do Grupo B do único torneio do ano jogado em formato de grupos.

Com dois triunfos por 2 sets a 0 o natural da Basileia tem assegurada sua classificação para a penúltima fase da competição pelo qual venceu em 2003, 2004, 2006, 2007, 2010 e 2011. Esta é sua 11ª participação no torneio e a 10ª qualificação à semi.

O dono de 17 Grand Slams vence sua 14ª partida em 14 jogos contra o espanhol de Javea que perde uma invencibilidade de onze partidas - foi campeão no ATP 500 de Valência e o Masters 1000 de Paris.

Esta é a 41ª vitória em 48 jogos de Roger na competição que fecha a temporada da ATP. Ele se torna o recordista absoluto deixando Ivan Lendl pra trás. Lendl jogou o torneio 12 vezes e ganhou cinco títulos.

Ferrer agora terá que vencer seu último jogo do grupo contra o sérvio Janko Tipsarevic, nono colocado, que joga ainda nesta quinta diante de Juan Del Potro no complemento da segunda fase da chave.

O jogo

Ferrer começou o jogo apertando, com três break-points, se aproveitando do baixo índice de 40% de primeiro saque do suíço. Mas David não conseguiu a quebra, levou uma no seguinte com erro bobo e viu Roger abriu 3/0. Na oitava chance David finalmente devolveu a desvantagem e empatou em 3/3. O jogo seguiu até que Federer fosse pra cima no décimo game, explorasse o revés de David para fechar por 6/4 em 49 minutos. Federer errou 23 bolas contra onze winners, mas mesmo assim saiu vencedor com as apenas cinco bolas vencedoras do espanhol.

Na segunda etapa os dois melhoraram no serviço. O índice de acerto de Roger subiu para 66% e ele só foi ameaçado duas vezes no primeiro game. Federer teve uma chance no 2/2, mas não converteu. No 12º game Roger teve um 0/30, mas bons saques e direita firme salvaram o espanhol. No tie-break Federer começou errando voleio, mas Ferrer retribuiu o presente com esquerda descalibrada. No sexto ponto novo equívoco de Ferrer e Federer sacou bem, abriu 6 a 3 e definiu no terceiro match-point com ace: 7/6 (7/5).
banner
banner