X

Djokovic bate Murray em batalha e fica perto da semi do ATP Finals

Quarta, 07 de novembro 2012 às 14:42:35 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
Novak Djokovic provou porque é o número 1 e virou batalha apertada contra Andy Murray, terceiro colocado, garantindo a segunda vitória na fase de grupos do ATP World Finals, em Londres, e ficando bem próximo à vaga na semifinal da competição que reúne os oito melhores.

Leia Mais:
Djokovic vibra com 'vitória importante' sobre Murray
Murray lamenta: 'Dois minutos decidiram'
Finals continuará em Londres até 2015
Nole é coroado o Nº 1 do ano

O sérvio precisou de 2h34min para superar o britânico por 2 sets a 1 de virada com parciais de 4/6 6/3 7/5.

Com o resultado, o natural de Belgrado fica bem perto da vaga na semi e precisa de um set apenas contra Tomas Berdych na sexta-feira ou da vitória de Tsonga contra Andy Murray. Se perder de dois sets a zero e Murray fizer 2 sets a 0 contra o francês, o sérvio fica eliminado.

Djokovic obteve nesta quarta-feira sua décima vitória em 17 jogos contra Murray repetindo o feito de Xangai quando o derrotou virando placar.

Murray necessitará vencer seu último compromisso contra Tsonga para ir à semi.

O jogo

Murray entrou com tudo, firme nas devoluções, partindo pra cima no segundo saque. Conseguiu a quebra no primeiro game, fez 2/0 e foi sustentando a ponta sem dar chances ao rival. Djokovic disparou apenas cinco winners e errou demais, 17 bolas. Pagou caro com a perda do set por 6/4 em 44 minutos.

No segundo set bastou Djokovic melhorar na devolução para pressionar o serviço de Murray. Ele aproveitou uma única chance, quebrou e fechou por 6/3 empatando o encontro.

Na etapa final a esquerda do tenista da casa pifou. Com muitos erros ele cedeu vantagem para Djokovic. O sérvio abriu 3/1, teve dois breaks para ampliar a vantagem, mas cometeu erros bobos. Murray melhorou no oitavo game, acertou bons backhands e com erro de Nole igualou o placar em 4/4. O jogo então melhorou com os dois atuando muito bem. Murray confirmou o saque e por pouco não teve um match-point após 15/30. Nole igualou, foi pra cima, viu o rival errar tentativa de ataque, conseguiu a quebra e sacou pra vitória. Andy então devolveu firme, obtevec 15/40, mas Djokovic tirou ótimos saques da cartola para vencer o encontro por 7/5.
banner
banner