X

Federer vira batalha emocionante, é TRI em Madri e iguala Nadal

Domingo, 13 de maio 2012 às 14:29:31 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
E Roger Federer, o gênio do tênis, é o 1º grande campeão no polêmico saibro azul. O suíço número três do mundo faturou neste domingo o título do Masters 1000 de Madri, na Espanha, pela terceira vez em sua carreira e em cima do tcheco Tomas Berdych, sétimo colocado.

Leia Mais:
Federer assumirá Número 2 e se aproxima do topo
Veja como foi a vitória!
Siga o Tênis News no Twitter!

O natural da Basileia precisou suar muitop a camisa diante de um confiante rival para vencer por 3/6 7/5 7/5 após 2h37min de partida. Esta foi sua 11ª vitória em 15 jogos diante de Berdych.

Federer havia vencido o torneio da capital espanhola em 2006 (no piso duro) e 2009 (no saibro convencional). Ele ergue seu 74º troféu da carreira, o 20º Masters 1000 igualando o recorde de Rafael Nadal. Este também é o quarto título de Roger no ano. Ele faturou o Masters de Indian Wells (EUA) e os ATPs 500 de Dubai (Emirados Árabes) e Roterdã (Holanda).

O jogo

Um primeiro set perfeito do tcheco. Mostrou muita confiança nos golpes do fundo e praticamente não errou. A quebra veio no segundo game com um winner de devolução e ele não deu chances ao suíço marcando 6/3 em 36 minutos com 14 winners e apenas dois erros. Federer marcou 12 bolas vencedoras e errou nove.

Na segunda etapa o tcheco voltou ao normal, arriscando, mas errando mais e fez a diferença. O suíço conseguiu uma quebra com 3/0 e foi comandando com alguma dificuldade. Teve um set-point sacando em 5/3, levou a quebra após winner do tcheco, mas falhou no 5/6 ao levar um winner de devolução do suíço e dar uma dupla-falta para perder o set. Federer marcou 7/5 em 59 minutos. Foram 15 winners e 12 erros do tcheco e Federer aplicou 18 vencedoras e cometeu 11 equívocos.

Na etapa final Berdych foi colhendo chances nos primeiros games de devolução, mas não convertia. O jogo foi seguindo parelho até o oitavo game. Federer abriu 0/40, Berdych aplicou três aces, mas fez duas duplas-faltas. Federer então serviu com 5/3, mas Tomas foi pra cima, devolveu a quebra e igualou em 5/5. No 12º game situação igual. Berdych salvou três match-points sacando firme e jogando bem no fundo, mas tremeu e errou duas seguidas dando o troféu ao suíço.
banner
banner