X

Wozniacki reclama de restrições do calendário da WTA

Domingo, 11 de março 2012 às 15:17:33 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
Ex-número 1 do mundo e atual quarta colocada, a dinamarquesa Caroline Wozniacki afirmou que a WTA, entidade máxima do tênis feminino, está restringindo muito as jogadoras nos torneios que elas podem participar. Elaa queria defender seu título em Charleston, mas não poderpa.

O motivo é tornar seu calendário mais flexível. As regras são de que as top 10 precisam competir nos quatro Grand Slams, o WTA Championship, Masters de fim de ano, quatro Premieres Mandatórios, quatro Premiere 5, dois Premier 700 totalizando 15 eventos. Elas podem jogar mais dois torneios International Series, de categoria com premiação US$ 220 mil.

"Acho que meu calendário seria um pouco diferente. Claro que como jogadora todo mundo queria jogar os quatro Slams, Indian Wells, Miami e os grandes eventos. Mas algumas vezes algumas pensam onde gostariam de atuar, quais lugares costumo ter bons resultados ou onde eu sinto que meu corpo precisa de um tempo. Cada uma fazendo ajustes para si. Em outros esportes certamente não há tantas restrições como temos. Eu não tenho escolha para ser honesta", disparou a tenista que ficou mais de um ano na liderança do ranking.

"Tudo está certo e eu posso escolher apenas dois torneios pequenos a participar, um deles é em Copenhague, que não preciso, mas gosto de participar. Depois tem a regra que apenas duas top seis podem participar dos torneios de US$ 700 mil. Ok, quero jogar em Charleston, mas não posso mesmo sendo a campeã porque outras duas top 6 já se comprometeram. Algumas regras podiam ser melhores, mais flexíveis para as tenistas. É duro brigar cabeça a cabeça com as tops".
banner
banner