X

Ferrer chateado após derrota: 'Era uma boa chance'

Sexta, 28 de janeiro 2011 às 12:52:26 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
Na coletiva após a derrota para Andy Murray nas semifinais do Aberto da Austrália, David Ferrer deu todo o crédito para o britânico. O número sete do mundo disse que achou a partida muito complicada e cheia de ralis. Para o espanhol, nos momentos importantes, o saque de Murray fez a diferença.

“No tiebreak, ele começou melhor que eu. A minha bola ficou curta. A chave do jogo foi o saque. Nos momentos importantes, o Andy sacou melhor que eu. Não tinha mais nada que eu podia fazer. Lutei muito”, disse o espanhol, que a partir de segunda- feira subirá uma posição no ranking mundial. “Eu tentei apresentar o meu melhor tênis de todos os tempos, mas o Andy é um jogador muito, muito bom.”

O tenista que ascenderá ao sexto lugar do ranking na próxima semana lamentou a chance perdida de alcançar sua primeira final de Grand Slam: "Vou custar a dormir pela tensão vivida. Mas claro que saio muito chateado. Era uma boa chance. Desta vez estive mais perto de ir à final, mais do que no US Open de 2007".

Na final, Murray enfrentará o sérvio Novak Djokovic. Para Ferrer, é muito difícil especular quem sairá campeão. O espanhol acredita que os dois estão apresentando um tênis muito consistente.

“Não sei dizer quem vai ganhar. Depende do começo da partida. Eu acho que depende do começo do primeiro set”, disse.
banner
banner