X

''Tenho certeza que Guga voltará ao alto nível'', diz Filé

Segunda, 08 de maio 2006 às 15:38:45 AMT

Link Curto:

Filé

Por Fabrizio Gallas

Se Guga está sempre esbanjando otimismo, o mesmo pode ser dito de seu novo fisioterapeuta, Nilton Petroni, o Filé. Ele, ao lado do preparador físico de Guga, Fernando Cao, explicou como será o processo de trabalho com o tenista, admitiu que será o caso mais difícil que já enfrentou na carreira, mais ainda que o de Ronaldo. Mesmo assim ele tem certeza que o brasileiro voltará a atuar em alto nível e afirma que vai fazer de tudo para devolver o nº 1 do mundo ao atual 335º colocado no ranking da ATP.

"O problema principal de Guga eram as compensações. Essas compensações são desiquilíbrios que ocorrem quando você não consegue fazer um pequeno movimento para executar o grande movimento. O Guga não conseguia fazer o pequeno movimento da perna para depois executar a grande passada, aí criou essa desarmonia no corpo." explicou Filé, que além do quadril fará um trabalho especifico para o corpo todo do atleta.

Petroni é um dos mais conceituados profissionais de sua área. O seu reconhecimento não veio somente com seus 20 anos de carreira, 45 de vida, mas principalmente pelo belo trabalho de reabilitação que fez com o craque da seleção brasileira Ronaldo.

O centroavante da seleção teve um delicado problema no joelho, que foi agravado por ter acontecido duas vezes. Na última lesão o jogador ficou parado por um ano, e retornou sendo a principal estrela na conquista da Copa do Mundo de 2002, em um dos casos mais espetaculares de volta por cima.

Petroni comparou as lesões e admitiu que a de Guga é seu maior desafio da vida: "O Ronaldo na segunda lesão ficou muito pra baixo, teve uma interência natural. A situação do Guga está diferente. Ele está consciente, sabe que será aspero, duro, um trabalho de 8 a 10 horas por dia, vai exigir da parte mental. Considero o Guga o caso mais difícil de todos que peguei, pois ele está compensado há muito tempo."

Em meio a suas declarações, Petroni se emocionou ao falar da esperança de Guga: "Ele tem uma esperança extraordinária. Tem a simples necessidade de ser o Guga criança que quer entrar na quadra, bater bola e ficar feliz. Ele quer voltar a jogar tênis sem nenhum desconforto."

É esse espirito de Kuerten que traz a confiança de Filé na recuperação do tenista. Ele sabe da dureza do caso, mas ressalta ter quase 100 % de certeza não só na recuperação, bem como a volta por cima de Guga entre os melhores do mundo: "O Romário estava quase perdido em 90, a Isabel do vôlei também. Eu acredito no Guga e ele me obriga a ter um nível de atenção maior. Tenho quase absoluta certeza que ele volta a jogar no nível de antigamente. Tenho um feeling pra pensar assim. Se depender de mim o Guga volta ao nº 1 do mundo."
banner
banner