X

Djokovic se recupera de dores, vence Hewitt na raça e escapa de Roddick

Segunda, 28 de junho 2010 às 14:02:40 AMT

Link Curto:

Novak Djokovic - Wimbledon 10 IV
O sérvio Novak Djokovic precisou de muita cabeça e raça para sair de uma situação física difícil e derrotar Lleyton Hewitt garantindo uma vaga nas quartas de final de Wimbledon, terceiro Grand Slam do ano jogado na grama.

Djokovic, número 3 do mundo, marcou 3 sets a 1 com parciais de 7/5 6/4 3/6 6/4 após 2h53min de encontro diante do 26º colocado. Hewitt vinha de oito jogos invictos na grama conquistando um título no ATP 250 de Halle (Alemanha) diante do poderoso Roger Federer. O australiano, ex-campeão de Wimbledon em 2002, ostenta o rótulo como maior vencedor na superfície com 101 triunfos (contra 95 de Federer).

A vitória de Djokovic foi muito comemorada até o ponto dele rasgar a camisa e jogá-la ao público na quadra 1 do All England Club. O motivo é que a partir do início do terceiro set, Nole sentiu problemas estomacais, pediu atendimento médico e viu Hewitt iniciar a recuperação.

Djokovic venceu as duas primeiras etapas com quebras no 12º e 10º games após falhas de Hewitt e vinha superior até o momento de sentir os problemas físicos. No quarto set ele conseguiu uma quebra no primeiro game, fez 2/0, mas Hewitt virou. Todavia, o ex-líder da ATP bobeou, cometeu um erro não-forçado e entregou o saque com dupla-falta. A definição veio com um winner espetacular de direita no contra-ataque.

Nole está classificado para as quartas de final onde enfrenta a surpresa do Taiwan, Yen Lu, número 82 da ATP, que surpreendeu o americano Andy Roddick, número sete do ranking e três vezes vice-campeão (2004, 2005 e 2009) no All England Club. Roddick perdeu batalha de cinco sets em 4h36min com parciais de 4/6 7/6 (7/3) 7/6 (7/4) 6/7 (7/5) 9/7.

Lu é o primeiro asiático nas quartas de em um Grand Slam desde Shuzo Matsuoka em 1995.
banner
banner