X
banner

Capitão britânico balança no cargo após nova derrota. Rusedski cotado

Segunda, 08 de março 2010 às 12:26:13 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
A derrota de virada para a Lituânia e a ameaça de cair para a quarta divisão da Copa Davis fez com que o próprio capitão do time britânico, John Lloyd, admitir estar balançando no cargo.

O time, que lutará contra novo rebaixamento em casa diante da Turquia, perdeu seu quinto confronto consecutivo.

Andy Murray, número 4 do mundo, não esteve presente para defender seu país.

Segundo o diário britânico The Times, o ex-tenista Greg Rusedski é o mais cotado para assumir o cargo.

A publicação do jornal afirma que Rusedski já foi abordado pela Lawn Tennis Association (entidade máxima do tênis britânico) sobre sua disponibilidade para o trabalho, e ele inclusive já teria manifestado seu interesse pelo cargo.

Rusedski já trabalhou com James Ward, integrante da equipe britânica da Copa Davis, mas não se sabe a opinião de Andy Murray sobre sua contratação, fator que tem um peso muito grande na escolha do novo comandante.

Como jogador, Rusedski defendeu a Grã-Bretanha em 20 confrontos e disputou 43 jogos. Nascido no Canadá, ele pode ser o quinto técnico do país nos últimos dez anos e primeiro não-britânico desde o australiano Warren Jacques, que comandou o time no final da década de 1980.
banner
banner