X

Bellucci ressalta jogo difícil contra Feijão e comemora vitória

Quarta, 28 de outubro 2009 às 18:28:17 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
Recém-chegado de uma gira de quadra rápida na Ásia e na Europa, o paulista Thomaz Bellucci sabia que não teria uma estreia fácil no saibro da etapa de São Paulo da Copa Petrobras. Dito e feito. Nesta quarta-feira, o tenista número 1 do Brasil e 43º do mundo chegou a perder o primeiro set para o também paulista João Souza (Amil/Wilson), 186º, mas manteve o favoritismo e marcou 4/6 6/3 6/2, em 2h02min de partida.

"Vim de um piso rapídissimo, com uma bola grande e ao nível do mar para um torneio no saibro, tempo úmido, bola pequena e na altitude. Então muda muita coisa", disse Bellucci. "Fiz o possível para entrar em jogo, mas o Feijão (João Souza) é o tipo de adversário que não te dá muito ritmo. Sabia que não ia ser fácil, mas ele acabou se precipitando em alguns pontos no terceiro set e achei o caminho. O importante para mim era ganhar".

Seu adversário desta quinta-feira, em horário ainda a ser definido, será o mexicano Santiago González, 176º, que pela manhã tirou Caio Zampieri, por 1/6 6/3 6/4. Os dois se enfrentaram uma única vez, no saibro de Potosí no ano passado, e González venceu em três sets. "O González é um cara que saca bem, tem boa esquerda. Tenho que me manter tranquilo, pensando jogo a jogo para continuar avançando”, afirmou.

Com o objetivo de se manter entre os 50 melhores até o final da temporada, Bellucci está satisfeito com o seu desempenho das últimas semanas em piso rápido. "Aproveitei bem a fase de quadras rápidas, acho que melhorei muito nesse tipo de piso, consegui ganhar jogos seguidos. Isso é mais importante que o ranking. Agora, estou colocando mais o primeiro saque, melhorei a movimentação e fiquei mais consistentes nos pontos, sem aqueles erros precipitados".
banner
banner