X

Federer toma susto, mas bate alemão e reedita final de Paris contra Soderling

Sexta, 26 de junho 2009 às 11:50:00 AMT

Link Curto:

Federer - Wimbledon 09 III
Leia Mais:
Federer comemora 'teste' e vê perigo contra sueco
Suíço sonha conhecer Nelson Mandela
Federer lamenta morte de Michael Jackson. Djokovic lembra imitação de 'Thriller'
Boa vitória aumenta confiança de Djokovic
Murray, Roddick e Ivanovic neste sábado. Acompanhe às 8h!

O suíço Roger Federer tomou um susto, perdeu um set, mas bateu o alemão Philipp Kohlschreiber (32º) e garantiu vaga nas oiatvas-de-final do Aberto de Wimbledon, terceiro Grand Slam do ano disputado nas quadras de grama do All England Club em Londres, na Inglaterra.

No primeiro set, Federer conseguiu duas quebras e rapidamente abriu 4/0. Na sequência, com uma pequena desconcentração, acabou vendo sua vantagem diminuir para 4/2, mas em seguida o suíço manteve bem o saque e com uma boa esquerda no pé do alemão fechou o set com 6/3 em 37 minutos.

Na segunda etapa o natural da Basileia foi ainda mais soberano e não deu chances ao rival em nenhum momento. Logo no primeiro game, o suíço forçou o erro do oponente para conseguir o break e no quinto game viu-o escorregar no fundo da quadra para conseguir mais uma quebra. No oitavo game, com um ace, Federer fez 6/2 após 30 minutos em um set onde seu rival não teve nenhuma chance de quebra.

A terceira parcial parecia que ia seguir o mesmo roteiro das anteriores, mas Federer bobeou e o final acabou sendo diferente. O suíço conseguiu uma quebra no primeiro game que sustentou até abrir 4/2, mas no oitavo game ele vacilou, permitiu ao rival devolver a quebrar e sem conseguir pressioná-lo em seu serviço, viu o set ir para o tie-break. No tie-break, Kohlschreiber se sobressaiu e com um mini-break de vantagem venceu por 7/6 (7/5) após 55 minutos.

Mas a alegria do atual número 32 do mundo durou pouco. No quarto set, Federer foi soberano, conseguiu uma quebra logo no início para abrir 3/0 e no sexto game derrubou mais uma vez o serviço do alemão no sexto para na sequência confirmar o serviço (após salvar dois breaks) e, com um belo winner cruzado, fazer 6/1 em 29 minutos e liquidar a partida em 3 sets a 1.

Essa foi a quarta vitória de Federer em quatro jogos contra Kohlschreiber. O suíço ainda não sabe o que é perder sets para o rival.

Na luta por uma vaga nas quartas, o natural da Basileia vai enfrentar o sueco Robin Soderling, 12º na tabela da ATP, contra quem nunca perdeu um jogo em dez partidas já disputadas até hoje entre os dois. O último jogo entre eles foi a final de Roland Garros há pouco menos de um mês, onde o atual número 2 do mundo conquistou seu 14º título de Grand Slam e igualou o recorde de Pete Sampras como maior vencedor de Majors de todos os tempos.

Soderling bateu o espanhol Nicolas Almagro em sets diretos com 7/6 (9/7) 6/4 6/4.
banner
banner