X

Torcedor que invadiu Federer x Soderling é velho conhecido

Terça, 09 de junho 2009 às 13:30:56 AMT

Link Curto:

Torcedor - Final RG 09
"Jimmy Jump", o torcedor que invadiu a quadra e chegou a colocar um gorro de Papai Noel em Roger Federer no meio da final de Roland Garros diante de Robin Soderling, é um velho conhecido e tem histórico de manifestações em eventos esportivos.

"Agora nós rimos, mas no momento era difícil saber das intenções dele", disse Federer que saiu com o título em Paris ao bater Soderling por 6/1 7/6 6/4.

Algumas pessoas conseguiram falar com o impostor enquanto ele era preso. Trata-se de Jimmy Jump, que pretendia realizar um gesto Anti-Nafal ao homenagear Federer para contrariar o número 1 do mundo com uma bandeira do Barcelona arqui rival do Real Madri, clube de Rafa.

Jimmy foi multado e pode ser condenado de seis a doze meses de prisão podendo passar até três anos na cadeia caso Federer ou a Federação Francesa de tênis o denunciem.

Jimmy tem a filosofia de invadir eventos esportivos para divertir as pessoas. Ele tem sua própria página na internet o qual vende camisas com seu logotipo a fim de custear suas atividades.

Em fevereiro, ele invadiu o campo do Santander para marcar o gol 5.000 do Barcelona no Campeonato Espanhol e acabou tirado de campo pelo jogador Samuel Eto´o.

Em 2004, durante a final da Eurocopa em Portugual, invadiu o gramado e deu uma bandeira do Barcelona ao jogador Luis Figo em sinal de protesto à sua aparição no Real Madri. Fez coisas similares no GP de Barcelona em 2004 e no clássico Madri x Barcelona em setembro de 2005.

O impostor já invadiu partida da Liga dos Campeões entre Arsenal e Villareal dando uma camisa do Barcelona a Thierry Henry. Chegou a ser multado em 60 mil euros. Durante a final da Liga dos Campeões em 2007, entre Milan e Liverpool, percorreu o estádio com uma bandeira da Grécia. E também entrou em campo para a final do Mundial de Rúgby no mesmo ano jogada entre Inglaterra e África do Sul.

A mais recente invasão de Jimmy havia sido nas semis da Eurocopa 2008 no jogo Alemanha x Turquia. Desta vez correu o gramado vestindo uma camisa "Tibet não é China".
banner
banner
banner