X

'O Marcos Daniel está de volta', comemora gaúcho após conquista

Domingo, 22 de março 2009 às 15:44:29 AMT

Link Curto:

Marcos Daniel - SP 09

Por Fabrizio Gallas

Após a conquista do challenger de Marrakech (Marrocos), forte challenger que distribui 106,5 mil euros em prêmios, Marcos Daniel conversou com o Tênis News e expressou sua felicidade de seu primeiro bom resultado em um início de temporada recheado de lesões.

"Você viu como foi um jogo difícil não é ?", disse Daniel que bateu na final o argelino Lamine Ouahab por 4/6 7/5 6/2: "Ele faz tudo com a bola curtinha e é muito difícil jogar contra. O cara é muito talentoso. Como ele é árabe, a torcida apoiou muito e estava um clima parecido com a Copa Davis, atrapalhou um pouco, mas levei".

"Quero agradecer a minha esposa, Gisela, e ao Larri Passos, que me apoiaram muito nos dias difíceis que tive", disse Daniel em relação ao início de temporada ruim onde teve uma lesão no glúteo no Aberto de São Paulo em que precisou abandonar nas oitavas de final, e depois no antebraço durante o Australian Open: "Foi muito azar o que tive. Me preparei legal, mas me machuquei em SP, depois não treinei alguns dias fui pra Austrália cheguei lá me sentindo melhor, daí comecei a treinar forte, aí machuquei o antebraco e fui pra Viña del Mar achando que estava bem, mas chegando lá vi que tinha feito bobagem mas aí já era tarde. Perdi sem chance de fazer um jogo competitivo e optei por parar um pouco. Em Acapulco estava bem, mas pesou a falta de ritmo".

Depois de dois primeiros meses ruins, Daniel confessou mudanças em seu planejamento preferindo torneios no Marrocos e Europa ao invés de challenger pela América do Sul: "Achei melhor optar por jogar por aqui aí fui Rabat treinei muito, mas ainda não tava como deveria e aqui treinei muito sexta, sabado e domingo, cheguei na segunda-feira correndo muito bem me movendo bem na quadra, aí as coisas começaram a ficar em casa".

Daniel, que pode voltar ao top 100, não quis falar de metas, mas objetiva apenas estar feliz e confortável com seu jogo: "Ainda posso jogar melhor do que fiz nessa semana, mas podemos dizer que o Marcos Daniel está de volta. Estou livre dos problemas físicos, estou zero bala. Quero continuar assim, jogando bem e motivado pois daí a confiança segue em alta e os resultados aparecem".

O tenista de Passo Fundo segue agora para o challenger de Barletta e depois Napoli na Itália: "Vai ser duro o torneio da semana que vem. Vou chegar muito em cima do meu jogo que deve ser na terça e as condições estão bem diferentes lá com muito frio e aqui muito calor. Na pior das hipóteses, vou usar a semana para treinar forte para Napoli".
banner
banner