X

Federer escapa de set-points, bate Verdasco e encara algoz Murray

Sexta, 20 de março 2009 às 01:30:00 AMT

Link Curto:

Federer - Indian Wells 09 III
Leia Mais:
Federer diz que precisa 'finalizar o jogo' contra Murray
Murray: 'Tenho que jogar no meu melhor nível para bater Federer'
Tennis Game - Inscrições Abertas para Miami!

Federer alcança seu terceiro triunfo em três partidas contra o rival o qual havia ganhou em duas outras oportunidades no saibro. O suíço desbanca Verdasco que vinha como sensação da temporada após chegar à final em Brisbane e semis no Aberto da Austrália, superando Andy Murray e caindo em duelo épica contra o campeão Rafael Nadal..

A primeira etapa foi surpreendentemente fácil para Federer. Ele começou errando umas bolas, mas nada que assustasse. A falta de regularidade do espanhol pesou no quinto game quando cometeu quatro erros e cedeu a primeira quebra. Então, o natural da Basiléia jogou mais confortável e pressionou no nono game colhendo uma dupla-falta e erro forçado do espanhol para fechar em 6/3 após 29 minutos.

A segunda etapa começou com Verdasco dando calor ao obter quatro breaks no terceiro game. Mas Roger salvou três deles com bons serviços. No game seguinte o suíço ganhou confiança, encaixou winners e conseguiu a quebra, abrindo vantagem de 4/1. Tudo parecia tranquilo para o vice-líder do ranking quando os ares mudaram a partir do sétimo game. Federer saiu de jogo, cometeu muitos erros e cedeu o empate. No 11o. game ele voltou a falhar, cedeu nova quebra e Verdasco teve o saque para fechar. O espanhol teve dois set-points, mas Federer manteve o sangue frio, salvou com bons pontos e devolveu a quebra vibrando muito. O tie-break iniciou com bons saques de Roger e erros não-forçados de Verdasco. Federer abriu 6 a 2, desperdiçou três chances de fechar a partida, mas na última sacou bem e saiu com o triunfo.

Federer repete as semifinais do ano passado em Indian Wells quando caiu para o surpreendente Mardy Fish. O tenista corre atrás do tetracampeonato (venceu entre 2004 e 2006), mas para isso precisa superar o britânico Andy Murray, quarto do mundo, que marcou 7/5 7/6 sobre o croata Ivan Ljubicic.

Murray vem sendo a pedra no sapato de Federer nas últimas competições. O escocês lidera o retrospecto geral por 5 a 2 e venceu os últimos três jogos: semis do Masters de Madri, primeira fase da Masters de Shanghai (China), ambas em 2008, e semis de Doha (Qatar) em 2009.
banner
banner