X

Nadal despacha Djokovic e leva Espanha para 4ªs na Davis

Domingo, 08 de março 2009 às 08:55:00 AMT

Link Curto:

Nadal x Sérvia - Davis 09 IV
Leia Mais
Nadal comemora vitória e elogia novo capitão espanhol
Djokovic reconhece superioridade da Espanha e diz que Nadal merece o número 1
Espanha quebra tabu e mantem invencibilidade

Rafael Nadal, número 1 do mundo, fez valer seu rótulo como Rei do Saibro e derrotou Novak Djokovic, terceiro colocado, por 3 sets a 0 com parciais de 6/4 6/4 6/1 após 2h28min na partida mais esperada do final de semana da Copa Davis. Com o resultado ele classifica a Espanha para as quartas de final do Grupo Mundial ao fazer 3 a 1 para o time da casa.

Nadal consegue sua 11a. vitória em 15 jogos contra Djokovic no circuito profissional. O sérvio segue sem derrotar Rafa no saibro, tendo agora seis derrotas nessa superfície para o espanhol. Rafa se redime também depois de ter ficado de fora da final da Davis no ano passado contra a Argentina no título da Espanha com o placar por 3 a 1 em plena Mar del Plata.

Além de vencer o jogo decisivo, Nadal marcou o segundo ponto ao bater Janko Tipsarevic por 6/1 6/0 6/2. David Ferrer foi o responsável por abrir o placar com 6/3 6/3 7/6 sobre o mesmo Djokovic. Os sérvios descontaram nas duplas com Nenad Zimonjic/Viktor Troicki.

Nas quartas de final, a Espanha enfrenta a Alemanha que marcou 3 a 1 sobre a Áustria em casa. Os espanhóis jogarão mais uma vez em casa já que no ano passado foram à Bremen e marcaram 4 a 1 também nas quartas de final.

O Jogo

Tanto Nadal quanto Djokovic não apresentaram seu melhor tênis, mas o jogo foi bom. Nadal foi superior no quesito winners (29 a 18) e erros não-forçados (24 a 40) e fez valer sua força mental nos momentos decisivos.

A primeira parcial não foi brilhante, mas bem disputada. Os dois tenistas erraram um pouco acima do normal, sobretudo Nadal, que cometeu 15 equívocos, contra 22 de Djokovic. O jogo parecia que se encaminharia para o espanhol cedo quando ele quebrou e abriu 3/2. Mas no game seguinte o tenista da casa errou três bolas e sofreu a virada. Todavia, no 4/4 foi a vez do sérvio cometer quatro erros e ter o saque novamente derubado. Aí o número um do mundo não titubeou e seviu bem para fechar com 6/4 em 51 minutos.

A segunda parcial melhorou um pouco o nível dos jogadores. Só pelos erros não-forçados é possível notar isso (6 de Nadal e 12 de Djokovic). Os dois confirmaram seus serviços com tranquilidade até o sétimo game quando Nadal partiu pra cima, deslocou o rival e teve 15/40. Mas Djokovic jogou bem nas desvantagens e confirmou. Todavia no 4/4 novamente o tenista do leste europeu falhou, e deu seu game de saque de bandeja com uma dupla-falta. Depois bastou o líder do ranking confirmar para vencer o segundo set com o mesmo placar do primeiro após 56 minutos.

Na terceira parcial Nadal não começou bem, cometeu erros no segundo game e se viu com 15/40. Alí ele jogou um grande ponto com passada salvando o primeiro break e depois deu muita sorte com uma curta que triscou na fita e caiu na quadra de Djokovic que se desesperou e brincou baixando as calças. Depois, Nadal confirmou empatou em 1/1 e a cabeça do sérvio foi embora, sendo quebrado por três vezes seguidas. Nadal conquistou a vitória com passada na corrida e comemorou o triunfo por 6/1.
banner
banner