X

Minas e Pinheiros vencem na primeira etapa do Troféu Brasil

Domingo, 08 de março 2009 às 06:24:22 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
A fase final do III Troféu Brasil de Tênis terá gostinho de revanche. Neste sábado, o Minas Tênis Clube e o Esporte Clube Pinheiros venceram todos seus confrontos, sagraram-se campeões da primeira etapa do maior Interclubes brasileiro e vão se encontrar novamente na fase final do evento que une juvenis, profissionais e ex-profissionais, marcada para o segundo semestre deste ano.

O anfitrião mineiro, Minas Tênis Clube, levou à sua sede o argentino Brian Dabul, os brasileiros Thiago Alves, Marcelo Melo, Andre Sá, Bruno Soares e Pedro Braga. O Clube campeão da etapa final na edição anterior não cedeu nenhum set diante o Praia Clube, também de Minas Gerais, confirmou o favoritismo do Grupo I e subiu no lugar mais alto do pódio. O Minas saiu na frente com Dabul, que aplicou 6/3 e 6/1 em Carlos Severino. Alves marcou o segundo ponto no duelo com Leandro Ribeiro, parciais 6/4 6/5(3). Nas duplas Melo e Sá aplicaram 6/3 e 6/0 em Ribeiro e Severino e selaram o ponto decisivo. Mesmo com o confronto definido, Bruno Soares e Pedro Braga entraram em ação, venceram seus adversários e fecharam 5x0 para o Minas.

Se em Belo Horizonte o clube favorito não deu chances ao adversário, em Campinas não foi diferente. O Esporte Clube Pinheiros, vice-campeão da etapa final de 2008, também formou uma equipe com jogadores que estão ativos no circuito mundial e marcou 5x0 no Clube Athlético Paulistano, na final do Grupo II disputada na Sociedade Hípica de Campinas. João Olavo Souza, o “Feijão” venceu o experiente Pablo Albano por 6/1 e 6/0. Simultaneamente, Ricardo Hocevar superou Frederico Casaro e fechou com 6/3 e 6/2. Nas duplas “Feijão”e Hocevar aplicaram um duplo 6/1 em cima de Roberto Cavalcanti/ Frederico Casaro e consagraram o terceiro ponto para o Pinheiros. Os dois últimos jogos não foram disputados e os pontos foram somados para Pinheiros, que fechou com 5 x0.

O capitão do clube campeão do Grupo II, Eduardo Eche, já pensa na possibilidade de revanche e na conquista do título na fase final. “ No ano passado ficamos com o vice, mas agora estamos mais preparados, com um time forte, para possível disputa com o Minas. O Hocevar e o “Feijão” estão sempre ativos no Circuito e o resultado foi o que a gente esperava” , disse Eche, que ainda elogiou o formato de disputa elaborado pela Confederação Brasileira de Tênis e Confederação Brasileira de Clubes. “ Essa modelagem de torneio é muito positiva, principalmente para os juvenis que estão em formação porque eles acabam treinando e convivendo com os profissionais. Acho esse um dos aspectos mais positivos do TBT”, completou.

O Troféu Brasil de Tênis é disputado em sistema Round Robin, saindo-se vencedora a equipe que marcar o terceiro ponto do confronto. As partidas são em sistema melhor de três sets com até onze games nos dois primeiros, sem vantagem. Em caso de empate em 5/5, haverá desempate, e em caso de empate em 1 a 1 em sets, será disputado um Match Tiebreak.

Os finalistas desta primeira fase vão disputar o título da fase final, marcada para o segundo semestre deste ano. Estão na briga os campeões Minas Tênis Clube (MG), Esporte Clube Pinheiros (SP) e os vices Praia Clube (MG) e o Clube Athlético Paulistano (SP).

Resultados nas finais deste sábado

Grupo I

Minas Tênis Clube (MG) 5x0 Praia Clube (MG)
Brian Dabul (MTC) d. Carlos Severino (Praia C.) 6/3 6/1
Thiago Alves (MTC) d. Leandro Ribeiro (Praia C.) 6/4 6/5(3)
Marcelo Melo/André Sá (MTC) d. Ribeiro/Severino (Praia C.) 6/3 6/0
Bruno Soares (MTC) d. Marcelo Resende (Praia C.) 6/2 6/1
Pedro Braga (MTC) d. João Santos (Praia C.) 2/0 des.

Grupo II

Esporte Clube Pinheiros (SP) 5x0 Clube Athlético Paulistano
João Souza (ECP) d. Pablo Albano (CAP) 6/1 6/0
Ricardo Hocevar (ECP) d. Frederico Casaro (CAP) 6/3 6/2
Souza/Hocevar (ECP) d. Roberto Avalcanti/Casaro (CAP) 6/1 6/1
Os dois últimos jogos não foram disputados.
banner
banner