X

Chela sofre por 4h para dar 1º ponto para Argentina. Monaco faz 2 a 0

Sexta, 06 de março 2009 às 14:26:40 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
Quem pensava que a Argentina passaria fácil pela Holanda mesmo com os desfalques de David Nalbandian e Juan Martin Del Potro, se enganou. Juan Ignacio Chela precisou lutar por 3h56min para bater Jesse Huta Galung para marcar o primeiro ponto dos donos da casa que jogaram em uma arquibancada vazia que contou com apenas 1 mil torcedores em uma capacidade para 14 mil.

Chela, que ocupa apenas a posição 159 após a hérnia que o tirou das quadras por boa parte do ano passado, suou com parciais de 6/2 2/6 6/2 6/7 (7/4) 6/2 diante do 181o. colocado e número 1 da Holanda.

Esta foi a primeiera vitória de Chela após quase três anos em Copa Davis e seu primeiro jogo após mais de dois anos (última partida havia sido no primeiro jogo da final contra a Rússia no fim de 2006).

Depois do susto a tranquilidade. Juan Monaco, vice-campeão de Buenos Aires, não se incomodou com a pressão pelo favoritismo e por fazer seu primeiro jogo de cinco sets na Davis e despachou Thimo De Bakker, 248o., por 3 sets a 0 com parciais de 6/2 6/1 7/6 (7/1). O tenista era dúvida durante a semana por sentir uma lesão na perna esquerda.

Assim, terminado o primeiro dia, a Argentina marca 2 a 0 e fica bem próxima das quartas de final. Neste sábado, Lucas Arnold e Martin Arguello jogam duplas contra Rogier Wassen e Galung.
banner
banner