X

Camarço e Pitta avançam, Kirche e Hocevar estão fora na Guatemala

Quarta, 18 de janeiro 2006 às 14:53:07 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
Enquanto o mundo do tênis se volta para o outro lado do mundo com o Aberto da Austrália, primeiro Grand Slam de 2006, os brasileiros buscam somar pontos em torneios de menor porte. Gabriel Pitta e Alessandro Camarço garantiram vaga nas oitavas, Ricardo Hocevar e Leonardo Kirche foram eliminados do Future da Guatemala.


Camarço, principal cabeça-de-chave do torneio disputado na Cidade da Guatemala e número 447 do mundo, se recuperou da eliminação precoce em El Salvador na última semana e derrotou Leonardo Kirche, 812º colocado, por 7/6 (7/5) e 6/0. Na próxima rodada ele enfrenta o argentino e qualifer, Eduardo Schwank que bateu o romeno Bogdan Leonte (6/2 6/4).

Número 746 do mundo, Gabriel Pitta, conquistou uma boa vitória pelo cabeça 6 do torneio, o americano Nick Monroe. A vitória do brasileiro veio por 6/3 6/4. Nas oitavas de final ele encara o argentino Juan Manuel Valverde, algoz do brasileiro Victor Melo, que veio do qualifying e ainda não aparece no ranking profissional. Valverde venceu por 6/3 4/6 6/4.

O paulista Ricardo Hocevar, sétimo cabeça-de-chave e número 657 do ranking, também caiu na primeira rodada. Ele fez uma boa partida, mas não resistiu ao dinamarquês Thomas Kromann, tenista vindo qualy, em três sets 6/2 4/6 6/3. Hocevar segue disputando Futures nas Américas. Nas próximas semanas ele joga na Colômbia, na sequência vai ao Panamá.

O torneio Future da Guatemala distribuí 10 mil dólares em premiação, 12 pontos ao campeão e é jogado sobre quadra rápida.
banner
banner