X

João Vitor Fernandes está nas quartas, Romboli e Orlandini caem

Quinta, 12 de janeiro 2006 às 00:32:27 AMT

Link Curto:

Tênis Juvenil
Praticamente curado do estado febril que lhe importunou nos primeiros jogos da primeira etapa do Circuito Cosat 2006, João Vitor Fernandes conquistou, no início da noite desta quarta-feira em Valência, na Venezuela, a presença nas quartas-de-final da categoria 14 anos.


Praticamente curado do estado febril que lhe importunou nos primeiros jogos da primeira etapa do Circuito Cosat 2006, João Vitor Fernandes conquistou, no início da noite desta quarta-feira em Valência, na Venezuela, a presença nas quartas-de-final da categoria 14 anos.

Passando rapidamente pelo argentino Diego Schwartzman por um duplo 6/1, Fernandes terá pela frente novamente outro argentino, Thomaz Buchhass (cabeça-de-chave número 5) e terá de vencê-lo nesta quinta-feira na Associação de Tênis do Estado Carabobo se quiser chegar à sua primeir semifinal do ano.

"Independente do placar estou sentindo muito os jogos e venho melhorando a cada partida" - disse Fernandes que conta com o patrocínio da TAM, Unic, Hotel Global Garden e joga com raquetes Head.

O tenista de Cuiabá (MT), principal favorito ao título na Venezuela e treinado por Ricardo Schlachter, está se poupando dos jogos de duplas na competição e tem presença garantida também na segunda etapa do Circuito Cosat, na Colômbia, a partir da próxima segunda-feira, 16

Fernando Romboli

O santista Fernando Romboli endureceu o jogo no primeiro set contra o português Pedro Sousa, cabeça-de-chave número cinco, porém não conseguiu suplantar o adversário na segunda rodada da categoria 18 anos da Copa Gatorade, primeira etapa do Circuito Cosat. Nesta quarta-feira, 11, nas quadras rápidas do Altamira Tennis Club, em Caracas, capital venezuelana, o tenista da EGA Tennis Academy perdeu por 6/4 e 6/1 e deu adeus à disputa de simples.

"Não deu. Emparelhei a partida no primeiro set, mas ele (Pedro Sousa) foi melhor e acabou levando. No segundo, não consegui forças para reagir", lamentou o atleta patrocinado pela Localfrio e Kirschbaum, que continua na disputa de duplas ao lado do companheiro Daniel Dutra.

Bruno Orlandini

Após uma boa vitória na estréia da categoria 16 anos na segunda etapa do Circuito Renault (realizada no Club Athletico Paulistano, em São Paulo), o araraquarense Bruno Orlandini não conseguiu passar pela segunda rodada e agora aguarda o início da próxima etapa, no Clube Paineiras do Morumby.

Na primeira rodada, o tenista da equipe de competição Oncins Tennis (Petrobras/Lacoste) superou André Pellegrino por 6/3 e 7/6. Porém, nesta terça-feira, 10, o garoto caiu diante de Bruno Porto, cabeça-de-chave número quatro, por emocionantes 3/6, 6/4 e 6/4.

"Tive as minhas chances e não aproveitei. Foi um jogo duro, muito igual, e o Bruno (Porto) também jogou bem", afirmou o jovem treinado pelos irmãos Oncins, que está em sua primeira temporada na categoria 16 anos. Na terceira etapa do Circuito Renault, Orlandini já tem adversário definido. Ele enfrenta o mineiro Marcelo Rezende, no entanto, ainda sem data e horário estipulados.

Fonte: Imprensa Tennis Press
banner
banner